Um novo Congresso para nosso país

Marcos Alegre • 12/07/2018 04:03:00

Hoje, quero dizer ao amável leitor, também eleitor, que o Congresso Nacional é um dos pilares da democracia. Importa lembrar que a Constituição foi promulgada em 1988 e as pessoas estavam ansiosas para o retorno da democracia e a vontade de contar com nova Carta Magna. Sabe-se que o país contava em 2017 com 5.570 municípios e respectivas câmaras e mais 27 Estados e suas assembleias. Observe, caro eleitor e eleitora, é enorme o número de pessoas que nos representam e tantos deputados federais que custam uma fortuna que o povo paga por meio dos terríveis tributos.

Importante ver o que dizia o senhor Lula, ex-presidente, que no Congresso havia 300 picaretas, também ver o que disse o deputado Clodovil que seriam suficientes apenas 250 deputados. Se os próprios políticos achavam que o Congresso poderia ter menos deputados e não os 504 que temos hoje, vai bem ao encontro das nossas reinvindicações.

É bom informar que o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) estima para 2018 que a população atingiu 219.777.480 pessoas. Mais importante é que proponho a criação de Distrito Eleitoral já há muito desejado para evitar a concentração de votos em algumas poucas áreas dos Estados. Pode-se exemplificar: em eleições de cunho federal, em Presidente Prudente, a propaganda eleitoral de candidatos de todas as regiões de São Paulo aparece realizando o que é chamado de voto paraquedista.

Nas últimas eleições, a região de Presidente Prudente não conseguiu eleger nenhum deputado federal. Acredito que o país deverá criar uma centena de distritos. No caso do Senado, além de eliminar o suplente e colocar em seu lugar o candidato segundo colocado, também deve ter menos senadores e não os 81 que temos hoje. Pelos meus cálculos, teríamos 41.

Mas é bom lembrar que a nossa economia não é nada favorável face à tremenda crise que fechou mais de 12 milhões de vagas de trabalho. Será que os deputados não terão participação nessa crise ou estariam mais preocupados em permanecer no poder deixando toda culpa apenas para dona Dilma Rousseff (PT), responsável pela tremenda crise que assola nosso país?

Nestas eleições de 2018, teremos oportunidade de renovar Câmaras municipais, Assembleias Legislativas e o Congresso Nacional. Será um importante passo para reconstrução de nosso país, lembrando que o brasileiro é bom e merece ser feliz. Entretanto, o papa Francisco diz que o Brasil atravessa um momento triste. Claro, com a situação de miséria que atingiu parte ponderável de nossa população, não poderia haver alegria em nosso querido país.

Lembro-me de um deputado dizer que fingia que trabalhava e outro dizendo, o povo que se lixe. É verdade que opiniões, as mais diversas, são o foco primordial da democracia e tudo pode ser debatido. E é aqui que eu entro conclamando todos os eleitores de Presidente Prudente e região na busca de pessoas que possam nos representar nesse Congresso que está aí e não dar seu voto para pessoas não residentes em nossa região.

Mas é necessário que os grupos se reúnam para conter no máximo dez ou 12 candidatos, senão ficam os votos diluídos e não elegemos ninguém. É preciso fazer verdadeiro mutirão. É na verdade, uma guerra, lembrando que, certamente, O Imparcial, como sempre, estará do nosso lado. Se não agirmos assim, ficará tudo como está hoje, com esse vergonhoso Congresso. Sabendo-se ainda que vários deputados estão envolvidos na operação Lava Jato.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste