Maçã Verde: aliada da dieta

Delícias & Delícias • 07/11/2018 05:19:00

Rica em fibras, que dão saciedade e ajudam na digestão, a maçã é uma antiga amiga da dieta. A maçã verde é a que tem maior teor de fibras e polifenóis – antioxidantes com ação anti-inflamatória.

Todos os tipos de maçã trazem benefícios. Agora sabendo que a verde pode ser ainda melhor para a perda de peso, vale incluir essa variedade com mais frequência no dia a dia.

Nem todo mundo é fã do gosto azedinho da maçã verde. Mas você pode acrescentá-la em algumas receitas e, assim, incluí-la na dieta.

Bata a maçã verde com couve para o preparo do suco verde. Não dispense a casca – é a parte da fruta que concentra a maior quantidade de fibras e polifenóis.

Corte a fruta em cubos ou fatias finas e acrescente na salada. Ela combina muito bem com folhas verdes variadas.

Cozinhe a maçã verde cortada em cubos com uva-passa e um pouco de água. Resulta numa mistura saborosa e adocicada, perfeita para rechear tapioca ou servir com iogurte natural.

 

 

Triguilho: é tudo de bom

 

Descubra os benefícios do trigo para quibe

Muito utilizado em pratos da culinária árabe, o trigo para quibe, ou triguilho, é um ingrediente versátil e supernutritivo.  Rico em vitaminas do complexo B, concentra ainda minerais como potássio, zinco, magnésio e selênio – e ainda é rico em vitamina E.

Por ser excelente fonte de fibras, o triguilho auxilia no bom funcionamento do intestino, prevenindo a prisão de ventre, quando associado à ingestão adequada de água. As fibras trazem também a sensação de saciedade, auxiliando na manutenção e controle do peso. O grão está associado ainda à prevenção e ao tratamento de doenças como o diabetes. O amido presente no endosperma é um caboidrato complexo, portanto, absorvido lentamente pelo organismo. Isso evita picos ou quedas acentuadas nos níveis de glicose do sangue. Como fonte de energia, poupa a queima de proteínas, favorecendo a manutenção da massa muscular. Já o selênio e a vitamina E possuem ação antioxidante e protegem o organismo contra a ação de radicais livres. Juntos, eles combatem a oxidação de lipídios , protegendo contra doenças cardiovasculares e diversos tipos de câncer.

Como se não bastassem suas mil utilidades nutritivas, o triguilho tem mais uma: é saboroso. Ingrediente de receitas clássicas como quibe e tabule, também vai bem em saladas, tortas, pães, recheios, e pode substituir o arroz em uma refeição. Se a ideia é preparar um lanche saudável, o grão é ótimo substituto ou complemento na receita de hambúrguer. No jantar, o quibe assado, acompanhado por uma salada de folhas verdes, é uma opção leve e nutritiva. A associação do trigo com a carne moída ou com peixe agrega maior teor protéico à receita. Sem esquecer que dá para preparar o quibe em versão vegetariana: basta substituir a carne por grão-de-bico.

              

Tabule de Atum

 

 

Ingredientes: 100 g. de triguilho, lavado e deixado de molho por 20 minutos, 1 cebola grande, picada, 4 colheres (sopa) de cheiro-verde picado, 2 colheres (sopa) de hortelã picada, 4 colheres (sopa) de azeite, 4 colheres (sopa) de suco de limão, 1 colherzinha de sal, outra de pimenta do reino, 4 tomates meio verdes, picados, 1 pimentão verde bem picado,1 pepino sem casca picadinho, 1 lata de atum, 1 pé de alface.

 

Preparo: Escorra o trigo, esprema-o com as mãos para tirar o excesso de água. Misture os outros ingredientes já picados e tempere-os com sal, pimenta, azeite e o limão. Ao servir, coloque o tabule sobre folhas de alface.

 

NUTRIÇÃO

 

Dicas para consumir açúcar de maneira equilibrada

 

             

Consumir qualquer alimento em excesso não faz bem à saúde. Com o açúcar, então, o cuidado deve ser redobrado, já que a recomendação diária da OMS (Organização Mundial da Saúde) é de 50g.

Açúcar adicionado aos alimentos: reduza as porções adoçadas pelo próprio indivíduo. Experimente reduzir as medidas em uma receita de bolo, por exemplo.

Peça à parte: qualquer bebida solicitada num restaurante ou em qualquer estabelecimento pode ser adoçada na mesa. Isso garante um controle maior da quantidade que estará no copo.

Evite o hábito: é comum as pessoas adoçarem a bebida antes mesmo de experimentar. Isso acontece pelo costume do uso de açúcar. Ao colocar no copo, prove! Muitas vezes, o líquido já está naturalmente adoçado o suficiente.

Quantidade de açúcar dos alimentos: basta ler os rótulos e descobrir o quanto de açúcar ou seus similares (sacarose, glicose, glucose, frutose, maltose, lactose ou xarope) há na lista de ingredientes.

Diário de consumo: para os que precisam de mais organização, é bom anotar tudo o que usou de açúcar. Ajuda a visualizar os momentos em que o corpo mais pede o ingrediente.

 

Para a DIETA dar certo

 

Perder peso também exige preparação psicológica. Formação de novos hábitos e mudanças no estilo de vida!

Conte com o auxílio de uma nutricionista, que irá ajudar a encontrar erros na alimentação.

Opte por uma dieta saudável e adequada ao seu estilo de vida. As calorias devem corresponder às necessidades do organismo.

Ingira pelo menos, 2 litros de água por dia: ajuda a hidratar o organismo e eliminar as toxinas. A água também gasta energia para ser absorvida, em torno de 200Kcal a cada 8 copos.

Faça de 5 a 6 refeições ao dia.

Controle e reduza ao máximo o consumo diário de doces, carnes gordas, frituras e gorduras.

Faça atividade física, pelo menos 30 minutos diariamente ou 50 minutos três vezes na semana.

 

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste