“ESTADO GRAVÍSSIMO”

Vítima de acidente entre van e caminhão é transferida a hospital de Campinas

Motorista, de 57 anos, conduzia o veículo que colidiu com o caminhão, no acidente registrado em Martinópolis sábado; cinco pessoas morreram

  • 03/09/2019 18:11
  • THIAGO MORELLO - Da Redação

No acidente grave registrado na Rodovia Homero Severo Lins (SP-284), em Martinópolis, no final de semana, cinco pessoas morreram e outras duas continuam feridas em estado grave e internadas. Dentre elas, está o condutor - 57 anos - da van que colidiu com o caminhão. O paciente está sendo transferido, nesse momento, para o Hospital Irmãos Penteado de Campinas (SP), referência no atendimento.

“Nesse tipo” de atendimento, enquadram-se os procedimentos destinados aos casos de queimaduras, uma vez que o veículo envolvido foi todo consumido pelo fogo, após a batida. As informações são do HR (Hospital Regional de Presidente Prudente) Doutor Domingos Leonardo Cerávolo, onde o paciente estava internado, até então, na UTI (Unidade de Terapia Intensiva), em “estado gravíssimo”.

Além do motorista, uma adolescente de 17 anos também estava internada no Hospital Maternidade de Rancharia. Por telefone, a unidade somente informou que a paciente também foi transferida para outra entidade. No entanto, a pessoal que atendeu ao telefone não pôde precisar quando ocorreu e para qual local a vítima foi encaminhada, “devido a ausência das pessoas responsáveis pelo setor no momento”.

Liberação dos corpos

Até o momento, os quatros corpos ainda desconhecidos não foram liberados, até mesmo pelo status. Conforme a Polícia Civil de Martinópolis, ainda aguarda-se a sinalização do IML (Instituto Médio Legal), pois foi necessário realizar o exame de DNA para identificação das vítimas. Respectivamente, são quatro homens, de 37,59, 62 e 68 anos, que morreram carbonizados no local. Ademais, a quinta vítima do acidente, uma mulher de 25 anos, faleceu no domingo, enquanto também estava hospitalizada no HR de Prudente.