Arquivo - VEM informa que ações de rotina de combate ao vetor prosseguem normalmente em Prudente

Foto: Arquivo - VEM informa que ações de rotina de combate ao vetor prosseguem normalmente em Prudente

AVANÇO DA DOENÇA

Vigilância Epidemiológica contabiliza 5.974 casos de dengue em Prudente

Segundo órgão, transmissão não foi interrompida mesmo no inverno, quando normalmente ocorre a estagnação do número de ocorrências

  • 12/09/2019 13:59
  • DA REDAÇÃO

A Sesau (Secretaria Municipal de Saúde), por meio da VEM (Vigilância Epidemiológica Municipal), atualiza hoje os casos dengue em Presidente Prudente. Agora, são 5.974 catalogações positivas. No total, foram 11.159 notificações até o momento. Neste número, constam os confirmados (5.974) e os já descartados, que são 3.980. Dessa forma, 1.205 ainda aguardam resultados ou são considerados inconclusivos, ou seja, terão de ser refeitos.

Conforme a supervisora da VEM, Elaine Bertacco, a transmissão não foi interrompida em nenhum momento, até mesmo no inverno, atual estação do ano, quando normalmente ocorre a estagnação do número de casos positivos. “O maior número de casos foi registrado em maio [2.933], mas não tivemos paralisação em nenhum mês, o que nos preocupa”, informa.

Segundo ela, as ações de rotina de combate ao Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika vírus e febre amarela, prosseguem normalmente em Prudente, inclusive com dois caminhões percorrendo os bairros da cidade com recolhimento de materiais que podem servir como criadouro do mosquito.

“Estamos repassando nos bairros, pois este trabalho já foi feito em toda cidade. Infelizmente, estamos encontrando situações que dão a impressão que nunca foi feita nenhuma ação. A preocupação tem de ser constante. Todos os dias, os munícipes devem olhar sua residência e seu local de trabalho. Nos preocupamos não só com móveis velhos, como também com os pequenos recipientes que não incomodam o morador e servem como criadouro do mosquito”, ressalta.