Venceslau perde mais uma e se complica na LBF

Contra o Sampaio Basquete, segundo colocado, equipe foi derrotada por 55 a 42 e permanece na zona debaixo da tabela

JULHIA MARQUETI - Especial para O Imparcial • 26/03/2018 22:12:07

. Foto: Basquete Venceslau sofreu a quinta derrota seguida e continua na penúltima colocação

No dia do aniversário do Sampaio Corrêa Futebol Clube, o Presidente Venceslau não conseguiu roubar a graça da festa e foi derrotado pelo time da casa por 55 a 42, no Ginásio Castelinho, em São Luís (MA). Com isso, o presente ficou continuou na cidade e ainda coroou o Sampaio Basquete como a melhor defesa da LBF (Liga de Basquete Feminino). A vitória também foi a sétima seguida do tricolor maranhense na competição, que segue na segunda posição, ainda atrás do Vera Cruz, de Campinas. Enquanto o Venceslau sofreu a quinta derrota seguida, continua na penúltima colocação e se complica no campeonato.

A equipe de Presidente Venceslau volta para casa na próxima partida, contra Poty/BAX/Catanduva, quinta-feira, a partir das 20h. E é a partir desta rodada que o técnico Flávio Prado aposta sua força. “Precisamos voltar a vencer. Já disse que temos capacidade, por isso agora é a hora de tentar melhorar a classificação e o número de pontos”, afirma. Para ele, jogar em casa e vencer é fundamental. “Viajamos e não conseguimos, agora é se apoiar na torcida que sempre comparece e reverter o ruim que está acontecendo”, enfatiza.

 

O jogo

A argentina Agustina Leiva foi a cestinha da partida diante do Sampaio Basquete, com 17 pontos e pouco mais de 70% de aproveitamento. Pelo Sampaio, Tati Pacheco e Briahanna Jackson foram os destaques ofensivos, com 11 pontos cada.

O primeiro quarto começou com as equipes abaixo dos 40% de aproveitamento, com um menos eficiente Sampaio vencendo por dois pontos. Na segunda parte, a equipe melhorou um pouco ofensivamente, mas foi a mudança na postura defensiva que fez a equipe ir ao intervalo com 13 à frente, limitando a equipe visitante apenas quatro pontos feitos.

No terceiro quarto, Flávio Prado conseguiu fazer sua equipe voltar melhor, ajustando sua defesa e evitando pontuação superior do Sampaio. Ainda assim, a diferença era de dez pontos ao fim de 30 minutos. O placar seguiu baixíssimo no último quarto, com as equipes passando a primeira metade deles com a parcial 2 a 2. A equipe paulista ainda tentou trazer dificuldade ao reduzir o placar para 5, estando a três minutos e meio do fim, mas a melhor defesa do campeonato soube resistir.

A Uninassau é o próximo desafio do Sampaio, fora de casa, no próximo domingo. Já o Basquete Venceslau tem agora pela frente o Poty/BAX/Catanduva, em casa, no Ginásio Municipal de Esportes José Francisco Abegão, quinta-feira, a partir das 20h.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste