VEM de Prudente confirma primeira morte por dengue no ano

Atualmente, a cidade tem 782 casos positivos da doença e outras 1.648 notificações aguardando resultados

PRUDENTE - DA REDAÇÃO

Data 20/03/2020
Horário 12:08

Embora o coronavírus, o Covid-19, seja o assunto mais comentado mundialmente, os números de dengue não param de aumentar. Segundo a VEM (Vigilância Epidemiológica Municipal), foi confirmada a primeira morte por dengue em Presidente Prudente. Atualmente, a cidade tem 782 casos positivos da doença e outras 1.648 notificações aguardando resultados, o que pode fazer com que o número aumente consideravelmente em pouco tempo.

Conforme a VEM, a vítima fatal foi um homem de 60 anos, morador do Conjunto Habitacional Ana Jacinta, bairro que integra a área 1 que registra 91 casos positivos. “A vítima foi notificada com dengue no dia 11 deste mês, quando procurou por assistência médica apresentando sintomas como febre, mialgia, cefaléia, náusea e dor nos olhos. Ele já tinha doenças de base e, infelizmente, faleceu”, detalha Elaine Bertacco, supervisora do órgão.

De acordo com Elaine, como o momento é de isolamento social em razão do coronavírus, os munícipes devem aproveitar para realizarem a limpeza dos quintais. “Todos estão preocupados com o coronavírus, e devemos nos preocupar e seguir as orientações do Ministério da Saúde, mas a dengue também mata. Por isso, pedimos que todos se preocupem e eliminem recipientes que possam acumular água e servirem como criadouros do Aedes Aegypti”, destaca.

Em relação às áreas, a situação mais crítica continua na área 7, que registra 192 confirmações em bairros como Morada do Sol, Belo Galindo, Guanabara, e outros. Na sequência, consta a área 4, com 165 registros, que é compreendida por bairros como Planaltina, Cambuci, Itapura, José Rotta, entre outros.

Seguindo a ordem decrescente, a área 2, registra 122 positivos em locais como Santa Paula, Cedral, Cohab, e outros. A área 1, como já citada, tem 91 casos, em bairros como Vale do Sol, Ana Jacinta, Vista do Vale, entre outros. Já a área 3, tem 79 confirmações. Essa é a Centro Sul e compreende bairros como Colina, São Jorge, Bongiovani, Cinquentenário, e outros.

Há ainda as áreas 5 e 6. A primeira, que é a Centro Norte, registra 65 casos em bairros como a Vila Estádio, Ocidental, Aviação, e outros; enquanto a segunda, que é a Noroeste, contabiliza 60 confirmações em locais como Maré Mansa, São Paulo, Iguaçu, e outros. A área 101, que são os distritos, agora contabiliza oito casos.

Veja também