Foto: João Paulo Barbos/Unoeste - Agentes do Baep, Força Tática e seguranças da Unoeste participaram do treinamento

Foto: Foto: João Paulo Barbos/Unoeste - Agentes do Baep, Força Tática e seguranças da Unoeste participaram do treinamento

INCENTIVO

Unoeste promove Dia de Treinamentos Físicos

Atividade que estimula profissionais da segurança, inclusive da polícia militar, reuniu em torno de 60 participantes no Centro Esportivo e ruas do campus 2  

  • 18/08/2019 05:45
  • MARCO VINICIUS ROPELLI - Especial para O Imparcial

Na manhã de ontem, a Unoeste (Universidade do Oeste Paulista), de Presidente Prudente, em parceria com a Polícia Militar promoveu o Dia de Treinamentos Físicos no Centro Esportivo do campus 2, com o objetivo de incentivar os seguranças, a companhia de força tática da universidade, além de agentes do 8° Baep (Batalhão de Ações Especiais e da Polícia) e 18° BPM/I (Batalhão de Polícia Militar do Interior), a praticar atividades físicas, em busca de preparo para eventos competitivos.

De acordo com o organizador do evento, Jair Rodrigues Garcia Júnior, de 48 anos, que é professor do curso de Educação Física, “os participantes costumam praticar, treinar para chegar bem no dia do evento”. O educador menciona que a ideia partiu dos acadêmicos da Unoeste, e a partir de contatos que possuíam com alguns oficiais do batalhão, propuseram por questão logística realizar o evento no campus.

“No corpo de seguranças há vários ex-alunos que fazem Educação Física conosco, na própria Unoeste, nós quisemos também dar um estimulo para que todos comecem a treinar e se integrar”, destaca Jair que confirma o desejo de voltar a realizar o evento competitivo anualmente ou até semestralmente.

Nesta primeira edição o organizador afirma que o teste foi bem sucedido e que a ideia é nas próximas edições abrir vagas limitadas a outros participantes. Ele enfatiza, entretanto, que as atividades esportivas demandam bom condicionamento físico, portanto, nem todos estão aptos a realizá-las.

Participantes

O major, supervisor de Segurança da Unoeste, Edson Aparecido Torchi Duro destaca a parceria entre a universidade e a polícia, em eventos que necessitam da presença policial, além de aproximar mais as instituições. Representando a Polícia Militar, o capitão do 8° Baep, Bruno Piva e da Força Tática, Jeferson Romão, participaram do treinamento e enfatizaram que atividades como a realizada ontem, são importantes para colocar em prova o trabalho feito no batalhão diariamente: as atividades físicas que variam de 45 minutos até uma hora.

O controlador de acesso da Unoeste, Tiago Albino Benedito, 23 anos, entende que para seu trabalho, um bom condicionamento físico é indispensável. “Acho importante porque isso motiva a gente a estar sempre treinando, se atualizando, pois nossa profissão exige um condicionamento físico bom. Em caso de algum acidente, por exemplo, se uma vítima precisar de socorro, precisamos estar prontos fisicamente, para socorrê-la”, entende o controlador.

Tiago foi feliz ao atentar-se àquilo que deve ser visto como um ensinamento que a atividade física em grupo pode transmitir e que a competição saudável deve incitar. “Uma coisa que chamou atenção foi a corrida. Fomos formados em duplas, quando nós saímos para correr, não tinha melhor ou pior, a dupla precisava correr e chegar junto. Teve um momento que eu estava preparado para correr forte, mas meu parceiro não estava. Tive que ser companheiro e permanecer do lado dele do início até o fim da corrida. Isso foi muito importante para mim”, acentuou o jovem.


Foto: João Paulo Barbos/Unoeste - Atividades em dupla foram realizadas para estimular parceria e companheirismo