Festa julina

Tradição viva: 6º Arraiá do IBC é realizado nesta sexta e sábado

15 mil pessoas são aguardadas para prestigiarem apresentações de quadrilha e se deliciarem com comidas típicas preparadas pelas entidades da Feapp

SANDRA PRATA - Especial para O Imparcial • 26/07/2018 05:48:00

Quadrilha dos jovens da São Pedro, denominada “Animados Pela Fé”, é participante sempre esperada da festa caipira. Foto: Cedida

Para fechar com chave de ouro as festas julinas, o Centro de Eventos IBC se transforma amanhã e sábado, em um grande arraiá de Presidente Prudente. É que nesses dois dias, a partir das 19h, será realizada a 6ª edição do “Arraiá do IBC”, festa caipira que já é tradição para os moradores da cidade e visitantes de toda a região que vem para apreciar apresentações de quadrilhas e se deliciar com as famosas comidas típicas da época. Pipoca, amendoim e quentão são gratuitos, assim como a entrada do evento.

A festa, que segundo a organização tem expectativa de receber um público em torno de 15 mil pessoas nos dois dias é uma organização do governo municipal, por meio da Secult (Secretaria Municipal de Cultura) que por mais um ano tem a feliz parceria com a Feapp (Federação das Entidades Assistenciais de Presidente Prudente). A coordenação de todas as barracas ficará sob a responsabilidade de 22 entidades participantes.

Segundo o produtor cultural da Secult e organizador das seis edições do Arraiá, Adolfo Tiago Ferreira Lima, o Tio Chimu, a festança pode ser entendida como a conclusão oficial do São João Fest – comemorações organizadas nos bairros prudentinos.  

“Atração à parte, sempre, as quadrilhas são sempre muito aguardadas. Temos um grupo de jovens da Paróquia São Pedro, ‘Animados Pela Fé’, que nos acompanham desde a segunda edição sempre abrilhantando nossa festa com as apresentações. É preciso preservar essa cultura”, destaca Tio Chimu.

Além dessa atração, o organizador garante que tem muito mais lazer para toda a família, como shows ao vivo nos dois dias, brinquedos infláveis para as crianças. Sem contar que é um evento em que pode haver aquela reunião de amigos.

“Pensamos no bem estar de todos os públicos, crianças, idosos, adultos, procuramos entreter a todos”, revela.

Comida solidária

Segundo o presidente da Feapp, Floriano Augusto de Paula Ferreira Ielo, a parceria estabelecida com a Prefeitura possibilita que as entidades se apresentem perante a sociedade e aproximem as pessoas dos serviços que prestam para o bem coletivo. “Cada entidade escolhe os próprios produtos para vender e a Feapp fiscaliza para que tenham preços populares, mas o mais importante disso tudo é a integração entidades e população prudentina”, explica.

Sobre os lucros faturados pelas instituições, Floriano revela que neste ano, diferente dos passados, a federação adotará a medida do caixa único. Ou seja, cada entidade receberá exatamente o valor que condizer com sua venda, o lucro será de 100%. “Nas outras edições fazíamos uso do caixa coletivo, então as entidades vendiam, reuníamos os lucros e dividíamos igualmente para cada instituição, mas em reunião ficou decidido que o caixa único seria mais justo. Essa medida fará com que aumente a concorrência e o empenho nas vendas, podendo superar as do ano anterior. Esperamos que a população vá prestigiar”, anseia Floriano.

Cedida / Tio Chimu está à frente das edições do Arraiá, desde o início

Tradição contínua

Valorizar aspectos culturais, solidariedade e conservação da tradição brasileira, esses são alguns dos fatores essenciais destacados por Tio Chimu para a preservação do Arraiá.  “É uma ajuda mútua da cidade colaborar com as entidades. Prudente sempre teve um olhar carinhoso com o terceiro setor e juntar isso com cultura e sociedade já faz valer a pena”, frisa Tio Chimu.

Prova disso, de acordo com ele, pode ser observada com o passar dos anos, em que a cada edição a expectativa criada em relação ao evento só aumenta. “Já se consolidou. As pessoas se acostumaram com o Arraiá do IBC e esperam a data para prestigiar. Então, em outras palavras nós recriamos essa cultura, isso é positivo, faz com que a população comente e retorne todos os anos”, ressalta o organizador.

 

Tio Chimu lembra que anteriormente, o Arraiá do IBC era apenas Arraiá, uma vez que as duas primeiras edições da festa – em 2013 e 2014 – eram realizadas no Centro Cultural Matarazzo. “Depois conseguimos mudar para o IBC e estamos lá desde então”, pontua.

O endereço mudou, mas o respeito e segurança é o mesmo desde a primeira festa. “Temos brigadistas no evento, polícia, mas em todas as edições nunca tivemos registros de roubos, brigas nem confusão e isso é excelente faz com que as pessoas se sintam seguras”, explana Tio Chimu. 

“É uma ajuda mútua da cidade colaborar com as entidades. Prudente sempre teve um olhar carinhoso com o terceiro setor e juntar isso com cultura e sociedade já faz valer a pena”

Adolfo Tiago Ferreira Lima

organizador do evento

 

Serviço

A festa é gratuita e ocorre a partir das 19h amanhã e sábado, no Centro de Eventos IBC localizado na Rua Doutor Hugo Lacorte Vitale, 46, Vila Furquim, em Presidente Prudente.

Cedida / Barracas com variadas comidas típicas serão novamente de responsabilidades das entidades que fazem parte da Feapp

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste