Divulgação/Gal Oppido - Passoca iniciou sua trajetória na música na década de 60, tocando em bailes e festivais

Foto: Divulgação/Gal Oppido - Passoca iniciou sua trajetória na música na década de 60, tocando em bailes e festivais

GRATUITO

Show em PP resgata trajetória da música caipira

Além da apresentação de Passoca, que ocorre nesta tarde, público acompanha feira mensal de produtos agroecológicos, espetáculo, oficina e contação de histórias

  • 24/08/2019 09:07
  • DA REDAÇÃO

A trajetória da música caipira é relembrada por Passoca em show no Sesc Thermas de Presidente Prudente neste sábado. Às 16h, o cantor interpreta clássicos do mundo da viola no palco da Área de Convivência. Feira de produtos agroecológicos, espetáculo teatral, oficina e contação de histórias também compõem a programação gratuita do final de semana.

Passoca iniciou sua trajetória artística em 1964, tocando em bailes e festivais. Seis anos depois, enquanto cursava a faculdade de arquitetura, formou seu primeiro grupo profissional. O ano de 1975 marcou o início de uma série de trabalhos, o LP gravado com o grupo Flying Banana pela gravadora Phillips, seguido do CD “Cão Vadio”, do LP “Que Moda” e de apresentações na capital e interior paulista. Em 1981, organizou, produziu e participou do show “Vozes & Violas”, junto de Almir Sater, Marlui Miranda, entre outros.

Seu amor à música o levou até a Europa, apresentando-se com Arrigo Barnabé, Vânia Bastos e Cida Moreira no Festival de Teatro de Parma (Itália), Kultur Zenter de Munique (Alemanha) e New Morning de Paris (França).

No show desta tarde, Passoca (voz e viola), acompanhado por Ronaldo Rayol (violão) e Noel Bastos (bateria), interpreta músicas de artistas clássicos da viola, como Raul Torres, João Pacífico, Alvarenga & Ranchinho, Teddy Vieira entre outros, intercalando as composições com “causos” e fatos da história da música caipira.

Programação

A contadora de histórias e pesquisadora Ana Paula Carneiro marca presença em mais uma edição do Quintal de Histórias hoje, às 15h. Desta vez, com “Águas que contam e encantam”. No Arte em Cena de amanhã, a Cia O Grito traz para o palco da Área de Convivência um espetáculo fruto de pesquisas relacionadas a adultos e crianças em situação de vulnerabilidade social, o “Diana, Luana”. Após assistirem à peça, os pequenos participam da oficina “Desmontagem teatral”, conduzida também pelo grupo. Às 16h, eles integram uma vivência em jogos teatrais resultando em improvisações para recontar a história assistida. A oficina ocorre no Quiosque e conta com retirada gratuita de senhas na Central de Atendimento.

Meio ambiente

Sábado é dia de Feira de Produtos Agroecológicos no bosque do Sesc. Realizada com pequenos agricultores da região a fim de incentivar a economia solidária, a interação entre as pessoas e a valorização da produção local, a partir das 9h30 o público encontra uma variedade de frutas, legumes e hortaliças produzidas sob o conceito da agroecologia.