Rodoviária apreende 750 mil maços de cigarros

Dois homens foram presos, sendo que um deles abandonou o veículo com os produtos em Sandovalina, mas foi abordado na SP-425

GABRIEL BUOSI - Da Redação • 13/03/2018 11:08:59

. Foto: Polícia Militar Rodoviária, Em um dos caminhões, foram encontradas 700 caixas de cigarro, junto à carga de cebolas

Dois homens foram presos e 750 mil maços de cigarros contrabandeados apreendidos na noite de sábado, no acesso a Sandovalina, Km 12 da Rodovia Assis Chateaubriand (SP-425). Conforme informações da Polícia Militar Rodoviária, as mercadorias eram oriundas do Paraguai, não tinham documentação fiscal e estavam distribuídas em dois caminhões.

Ainda segundo os oficiais, foi durante fiscalizações na SP-425 que a equipe abordou um veículo Mercedes Benz/Axor 2540, com placas de Marabá (PA), que tracionava o veículo SR/Randos, placas de Maringá (PR), conduzido por um homem de 33 anos e morador de Guaíra (PR). “Durante a fiscalização, foi observado que o condutor apresentava nervosismo e informações desencontradas, e apresentando nota fiscal de cebolas, momento em que foram feitas buscas no compartimento de carga, sendo localizado junto às cebolas 700 caixas de cigarros desprovidos de documentação fiscal”, esclarece. Ele recebeu voz de prisão e foi conduzido à Polícia Federal de Presidente Prudente.

Em seguida, foram feitos patrulhamentos nas imediações do local, sendo encontrado um caminhão Volvo/FH 400, com placas de Uberlância (MG), que tracionava um semirreboque Fachhini, com placas do mesmo município, que estava estacionado, trancado, sem o condutor pela área central de Sandovalina, com 800 caixas de cigarros oriundos do Paraguai e sem documentação fiscal. “O motorista trancou o veículo e evadiu-se do local. Durante o deslocamento para apresentação da ocorrência, localizamos o motorista, de 38 anos, morador de Maringá, caminhando na altura do Km 4 da rodovia em questão”.

Ao ser abordado, o homem teria demonstrado “certo nervosismo”, além de portar R$ 6.150. Questionado, ele teria dito que era o motorista do referido caminhão e que iria realizar o transporte de Naviraí (MS) até São Paulo (SP), além de dizer que recebeu para tanto a quantia encontrada. “Ele informou ainda que notou movimentações de várias viaturas policiais, e com receio de ser abordado, decidiu abandonar o veículo naquele local”, expõe a corporação.

A ocorrência foi apresentada na Polícia Federal de Presidente Prudente. Os indiciados foram presos em flagrante delito por contrabando.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste