Redução de crimes: parceria entre polícias e comunidade

  • 26/02/2020 04:29
  • DA REDAÇÃO

A redução dos índices criminais tem sido constante na região de Presidente Prudente – que é destaque no Estado de São Paulo como uma das regiões mais seguras devido à baixa criminalidade. Seguindo a tendência dos períodos anteriores, o primeiro mês do ano já começou com resultados satisfatórios na segurança pública. Dados divulgados pela SSP (Secretaria de Segurança Pública) mostram que houve diminuição nos casos e vítimas de latrocínio, estupros e em todas as modalidades de furtos e roubos. Além do mais, roubo a banco e extorsão mediante sequestro ficaram zerados.

A estatística positiva já era esperada, uma vez que os crimes especificados apresentam quedas nos percentuais a cada mês. Isso mostra que os projetos voltados à segurança pública têm dado resultado, levando em conta o estreitamento no relacionamento entre as polícias Civil e Militar. Têm sido comuns operações conjuntas entre as equipes para prender criminosos, o que reflete na redução dos crimes na região. Inclusive, com apoio das polícias de outros Estados nas investigações e cumprimento de mandados de prisões.

Vale também reforçar que a implantação do Baep (Batalhão de Ações Especiais) – com companhias em Prudente e Presidente Venceslau -, e o patrulhamento da Rota (Rondas Ostensivas Tobias de Aguiar) pela região, contribuem para manter a segurança. As equipes têm se posicionado em pontos considerados estratégicos, com reforço de militares, o que resulta em prisões em flagrante, captura de procurados, além da apreensão de armas, munições e drogas.

Essa relação, além de diminuir os índices, traz à comunidade a sensação de que ela está protegida contra os bandidos. Consequentemente, também abre portas para que o cidadão se sinta mais próximo das polícias, contribuindo para fazer denúncias. Diante disso, a criminalidade tende a diminuir cada vez mais, resultado da parceria entre policiamento e comunidade.