Foto: Arquivo - Missa de Cinzas dá início a Quaresma, 40 dias e noites que antecipam a maior festa cristã da Liturgia católica: a Páscoa

Foto: Foto: Arquivo - Missa de Cinzas dá início a Quaresma, 40 dias e noites que antecipam a maior festa cristã da Liturgia católica: a Páscoa

RESSURREIÇÃO

Quarta-Feira de Cinzas: início da Quaresma

Celebração marca o primeiro dia do período que antecipa a maior festa cristã da Liturgia católica: a Páscoa; tempo de jejum, esmola (doação) e oração

  • 23/02/2020 04:30
  • THIAGO MORELLO - Da Redação

Tempo de jejum, esmola (doação) e oração. Estes são os três pilares que formam o período da Quaresma, os 40 dias e 40 noites que antecipam a maior celebração, a maior festa cristã da Liturgia católica: a Páscoa, que é a ressureição de Jesus Cristo. Nesse ano, a data é marcada até o dia 9 de abril, mas começa no próximo dia 26, com a Quarta-feira de Cinzas. Momento pontual de toda a preparação.

A Quarta de Cinzas é o primeiro dia de penitência, de oração fortalecida e caridade para com os outros. O padre Helitom Bigas da Silva explica que é o momento cuja intenção é nos fazer refletir. “São cinzas abençoadas, frutos dos ramos que usa-se  no Domingo de Ramos. Eles são queimados, feitas as cinzas, abençoadas e colocadas sob nossas cabeças, na testa, para nos ajudar a lembrar que somos pó e  ao pó da terra voltaremos, assim como está em Gêneses 3:19”, expõe o padre.

Segundo ele, tudo isso para que a fé em Cristo seja a principal motivação que rege a vida. O sacerdote volta a falar sobre os três pilares que formam a Quaresma: jejum, esmola e oração, onde o jejum demonstra a nossa relação sadia com nós mesmos; a esmola, a caridade para com os outros; e a oração, o fortalecimento da nossa relação com Deus.

“Isso nos levará ao arrependimento, à conversão. Fazer lembrar que não podemos viver extremamente a pecados, a essa vida - por que ela é passageira -, mas sim nos preparar para a nossa morada definitiva, que é no céu”, destaca o sacerdote.

O padre não deixa de reiterar que tal celebração é, sim, de “extrema importância”, porque dá o início da Quaresma, marcado pelos 40 dias de preparação para celebrar a maior festa da fé cristã, que é a Páscoa. “Maior até mesmo que o Natal”, garante ele.

 

NÚMERO

SIGNIFICATIVO

É preciso lembrar ainda, conforme Helitom, que o número 40 na bíblia, na palavra de Deus, é muito significativo. Dentre os exemplos, que não se atêm apenas ao do período da Quaresma, ele se lembra do dilúvio em Gêneses, marcado por 40 dias e 40 noites; os 40 anos que o povo Hebreu passou caminhado pelo deserto em busca da terra prometida; e o próprio Jesus Cristo, que jejuou por 40 dias.

“CINZAS ABENÇOADAS, FRUTOS DO DOMINGO DE ‘RAMOS’, QUE SÃO QUEIMADOS E AS CINZAS ABENÇOADAS E COLOCADAS SOB NOSSAS CABEÇAS, NA TESTA, PARA NOS LEMBRAR QUE SOMOS PÓ E  AO PÓ DA TERRA VOLTAREMOS”

HELITOM BIGAS DA SILVA

PADRE

 

PROGRAMAÇÃO - MISSAS QUARTA-FEIRA DE CINZAS

 

Catedral São Sebastião (Centro): às 7h30, 12h e 19h30;

Paróquia Nossa Senhora Mãe da Igreja (Jardim Esplanada): às 15h e 19h30;

Paróquia Nossa Senhora do Carmo (Vila Maristela): às 10h e 20h;

Paróquia São Pedro (Vila Flores): às 19h30;

Paróquia Nossa Senhora do Rosário de Fátima (Vila Euclides): às 19h30;

Paróquia São José (Vila Santa Helena): às 19h30;

Paróquia Santa Rita de Cássia (Jardim Aviação): às 19h30;

Paróquia Santo Antônio de Pádua (Jardim Paulista): às 7h e 19h30;

Paróquia Bom Jesus de Pirapora (Vila Industrial): às 20h;

Paróquia São Judas Tadeu (Parque São Judas Tadeu): às 19h30;

Paróquia São Francisco de Assis (Jardim Everest): às 19h30;

Paróquia São Paulo Apóstolo (Santa Fé): às 20h;

Paróquia Nossa Senhora das Graças (Montalvão): às 20h;

Paróquia Menino Jesus de Praga (Jardim Bongiovani): às 20h;

Paróquia Nossa Senhora Aparecida (Parque dos Pinheiros): às 19h30;

Paróquia São Lucas (Parque Shiraiwa): às 20h;

Paróquia Santa Luzia (Jardim Belo Horizonte): às 19h30;

Paróquia Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Parque Cedral): às 15h30 e 19h30;

Paróquia Nossa Senhora Desatadora dos Nós e São José de Anchieta (Brasil Novo): às 20h;

Paróquia Nossa Senhor ade Lourdes (Humberto Salvador): às 20h;

Paróquia Nossa Senhora Rainha dos Apóstolos (Ana Jacinta): às 20h;

Paróquia São Miguel Arcanjo (Parque Residencial Damha): às 19h

Santuário Santa Terezinha do Menino Jesus e da Sagrada Face (Jardim Maracanã): às 19h30;

Santuário Nossa Senhora Aparecida (Vila Marcondes): às 6h30 e 20h.

 

Foto: Arquivo - Padre Helitom destaca os três pilares da Quaresma: jejum, esmola e oração