Arquivo: Aos foliões que desejam visitar a Cidade da Criança, em Prudente, serão sete dias especiais de carnaval

Foto: Arquivo: Aos foliões que desejam visitar a Cidade da Criança, em Prudente, serão sete dias especiais de carnaval

​​​​​​​Clima de festa

Programação de carnaval em PP promete alegrar foliões em dias festivos

Em breve resumo, historiador relata os altos e baixos que marcaram a festividade prudentina

  • 20/02/2019 10:00
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

No ano em que os primeiros dias foram marcados por tragédias, incertezas na segurança pública e universo político, é necessário dar uma pausa momentânea nas preocupações e dedicar um pouco do tempo para a diversão. Cor, brilho, alegria e muita música. “Ó abre alas que eu quero passar”, já dizia Chiquinha Gonzaga na eterna marchinha, símbolo do carnaval brasileiro, época em que existe a esperança de que o sorriso no rosto pode contribuir para colocar a cabeça no lugar e seguir em busca da felicidade. Em Presidente Prudente, o clima já se instalou e tem previsão para fazer os moradores caírem na folia já no final de semana, no “esquenta” para as festas. Mas, o carnaval prudentino tem enfrentado altos e baixos desde quando a crise financeira se instalou no poder público no final da década de 1990.

“Desde a fundação da cidade já existia carnaval, no entanto, era bastante diferenciado dos costumes que existem hoje. Na época, havia desfile de carros pelas avenidas da cidade, onde pessoas fantasiadas jogavam serpentinas nas ruas e partiam para os famosos bailes nos cinemas. Aqui em Prudente havia duas opções: a festa no cinema João Gomes, considerada a mais popular entre os moradores, ou a comemoração no cinema Fênix, que era um baile mais elitizado”, considera o historiador Ronaldo Macedo. Segundo ele, a tradição em frequentar os dois lugares causava até disputa entre as concorrências.

Apesar disso, ele afirma que a alegria permanecia no rosto dos moradores, inclusive, foi por volta dos anos 50 que surgiram os primeiros desfiles de ruas, uma evolução dos “passeios de carros” de décadas anteriores. “Grupos começaram a se estruturar nesta época, com o surgimento dos primeiros blocos carnavalescos que confeccionavam as fantasias e festas por meio de recursos próprios, porque não havia incentivo por parte do poder público, diferente do que vemos nos dias atuais”, explica o historiador. Com o passar dos anos, sentiu-se a necessidade de fazer com que a festa fosse maior e, entre os anos de 1970 e 1980 diversas escolas de samba surgiam, ao mesmo tempo em que outras não tinham como se sustentar e acabavam se desligando da comemoração. “A Unidos do Jardim Paulista e da Zona Leste, por exemplo, são exemplos das que possuem longa duração” aponta Ronaldo.

 

“O grande carnaval”

Diante da popularização da festa mais famosa no Brasil, a região oeste do Estado de São Paulo também alcançou o ponto alto da comemoração. O historiador explica que em 1988 a cidade de Presidente Prudente vivenciou a fase do “grande carnaval”, quando desfiles de rua atraíram escolas de samba de outros municípios que vieram trazer a beleza das fantasias, trabalhada em cima dos enredos. Dentre as recordações do historiador, as que marcaram a vinda a Prudente foram os grupos de Osvaldo Cruz e Presidente Epitácio, época e que já entravam verbas públicas para contribuir com as festividades.

Porém, a alegria não durou muito tempo, quando em 1999 a gestão da Prefeitura de Prudente passou por problemas financeiros e decidiu por encerrar o tradicional carnaval de rua, uma vez que as verbas repassadas seriam insuficientes para organizar a grande festa. Em paralelo a isso, segundo Ronaldo, em 2000 a municipalidade executou baile festivo no PUM (Parque de Uso Múltiplo), sendo que outros clubes famosos realizaram carnavais em prédios de associações. “Eram cinco noites de festas, com matinês e muitas marchinhas”. Até 2010, os bailes perderam força e, naquele ano, a Prefeitura voltou a destinar dinheiro para a reestruturação das escolas. Na ocasião, houve até competição para eleger a melhor escola, dentre quatro.

Desta vez se repete a mesma história do começo do século. Em dezembro, o prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB) informou que por conta da falta de verba, que girava em torno de R$ 200 mil a R$ 300 mil por ano, inviabilizaria a realização do carnaval de 2019. De acordo com o historiador, os altos e baixos refletem na falta de planejamento de verbas do município e também das associações que deveriam arrecadar fundos para investir na festa.

 

Alegria, alegria

Apesar desta realidade, que não se faz presente apenas na cidade, mas em outras localidades, lugar para festejar é o que não vai faltar na semana do carnaval. Aliás, no dia 23 já começam os famosos “esquentas” para contagiar o público. Logo depois, as festividades continuarão em diferentes pontos da cidade entre os dias 1º e 5 de março. O “Esquenta Folia” ocorrerá no sábado, e é uma realização da Associação das Escolas de Samba de Prudente. Segundo o presidente da associação, Fernando César de Brito Silva, o Fernando Testa, é o começo do trabalho de arrecadar fundos que envolve as escolas Independente da Zona Leste e a Renascer da Operária. No dia 23, a expectativa é de que 1 mil pessoas comparecem ao salão do Recinto de Exposições para curtir bandas, Djs, e a bateria das duas escolas. O valor do primeiro lote é de R$ 40, e deverá ser adquirido nos pontos de vendas.

Já no Tênis Clube de Prudente, haverá o “Carnaval Ibiza” que começará às 16h do dia 23 com matinês e bandas de marchinha, Dj e samba. Segundo o coordenador de eventos João Augusto de Souza, a festa continuará entre os dias 1 e 5 de março a partir de 20h30 com música e recepção carnavalesca por meio de decorações. A expectativa de pública é 5 mil pessoas. Aos foliões que desejam visitar a Cidade da Criança, serão sete dias especiais de carnaval, com início dia 23 e 24 de fevereiro e sequência entre 1 e 5 de março. A programação no Parque Aquático será comandada por Djs com  repertório  do carnaval, além da presença de baterias de escolas de samba, e grupos de dança.

 

Programação

 

Parque Folia 2019

 

Sábado, 23/02: Caia na Folia!

Atração: Dj Juca Skiter;

Valores: Passaporte: R$40 e meia-entrada: R$20;

Domingo, 24/02: Folia de Promoção!

Atrações: Dj Robinho, Bateria da Escola de Samba da Zona Leste, passistas, Rainha e Rei Momo do Carnaval e o grupo de dança Stars Core Dance.

Valores: 50% de desconto, passaporte R$20 e meia-entrada R$10

Horários: O Parque Aquático atende das 10h às 17h30

 

Dias: 01, 02, 03, 04 e 05 de março

Sexta-feira, 01/03: Abre Alas que tem promoção!

Atração: Dj Juca Skiter com o melhor do carnaval;

Valores: 50% de desconto, passaporte R$20 e meia-entrada R$10

 

 Sábado, 02/03: Leva Eu!

Crianças até 12 anos não pagam entrada!

Atração: Dj Alex Lima, com o melhor do carnaval;

Valores: Passaporte: R$40 e meia-entrada: R$20;

 

Domingo, 03/03: O Domingo É Delas!

Mulher paga R$10;

Atrações: Dj Robinho, Bateria da Liga das Escolas de Samba, passistas, Rainha e Rei Momo do Carnaval, grupo de dança Stars Core Dance e grupo de dança Academia Coliseum de Martinópolis;

Valores: Passaporte: R$40 e meia-entrada: R$20;

 

Segunda-feira, 04/03: Bora pra Folia!

Crianças até 12 anos não pagam entrada!

Atração: Dj Juca Skiter com os melhores hits do carnaval;

Valores: Passaporte: R$40 e meia-entrada: R$20;

 

Terça-feira, 05/03: Fecha Alas!

Atrações: Dj Alex Lima e a presença da Rainha e Rei Momo.

Valores: Passaporte: R$15 preço único individual;

Crianças de 0 a 4 anos e pessoas com deficiência não pagam a entrada em qualquer dia de atendimento. Saiba mais em: www.cidadedacriancaprudente.com.br

 

Carnaval Ibiza

 

Sábado, 23/02: Pré-carnaval

Horário: 16h

Atrações: Bateria Os Malacos; segunda composição de Os Malacos, com marchinhas; Banda Pai Galo e Dj.

Valores: Entrada franca para sócios do Tênis Clube; R$ 20 é o valor unitário do convite no primeiro lote, e R$ 50 o pacote para seis noites.

Endereço: Rua Tenente Nicolau Maffei, 1746 - Vila Santa Helena

 

Sexta-feira, 1/3 a 5/3, terça-feira: Carnaval Ibiza

Horário: 20h30

Atrações: Bateria de Os Malacos, Banda D3, Dj e outras 25 atrações.

Endereço: Rua Tenente Nicolau Maffei, 1746 - Vila Santa Helena

 

Sábado, 2/3: Concurso de fantasias

Horário: 14h

Atrações: Matinê com personagens infantis a

Endereço: Rua Tenente Nicolau Maffei, 1746 - Vila Santa Helena

 

Esquenta Folia 2019 “Open Bar”

 

Sábado, 23/2: Esquenta Folia

Horário: 23h

Atrações: Banda Seu Doutor, Grupo TudoJunto, Bateria de Escola de Samba, Dj Alex e Dj Robinho.

Valores: Lote promocional custa R$ 40 e os demais custam R$ 50 e R$ 70.

Endereço: Recinto de Exposições de Presidente Prudente - Rodovia Raposo Tavares, 563.