OSVALDO CRUZ

Polícia prende suspeitos de atropelar e matar mulher

Homens fugiram do local sem prestar socorro à vítima, Edna Alves de Mello; imagens do sistema de monitoramento identificaram o veículo

  • 08/06/2019 12:43
  • ANDRÉ ESTEVES - Da Redação

A Polícia Militar prendeu dois homens suspeitos de atropelar e matar uma mulher de 57 anos em uma vicinal de Osvaldo Cruz, na tarde de sexta-feira. Eles fugiram do local sem prestar socorro. Edna Alves de Mello foi socorrida por uma equipe do Corpo de Bombeiros, porém, não resistiu aos ferimentos.

De acordo com a corporação, os policiais levantaram informações junto a testemunhas e, com base nelas, iniciaram as buscas pelo veículo, uma VW/Saveiro. Em contato com a empresa que opera o sistema de monitoramento da cidade, foi possível capturar as imagens do atropelamento, que identificaram o automóvel. Após visitar diferentes proprietários de veículos do mesmo modelo e cor, os agentes receberam informações de que um homem, proprietário de um carro semelhante, morava em um sítio na direção em que o autor do delito fugiu.

Imediatamente, os militares foram ao local e avistaram, em uma garagem improvisada, um carro completamente coberto por lençóis. Ao retirarem os panos, constataram o veículo com a frente destruída, apresentando danos na lateral esquerda, parachoque, farol, capô e para-brisa.

Na residência do sítio, os policiais fizeram contato com o proprietário do carro, que afirmou que estava no veículo junto a um amigo, o qual teria atropelado um cachorro na vicinal durante a tarde, justificando os danos. Mais tarde, os agentes identificaram o endereço do provável motorista, morador de Salmourão. Quando localizado, este respondeu que estava em uma festa em um sítio de Osvaldo Cruz e atropelou algo enquanto conduzia o veículo emprestado por seu amigo. O teste de bafômetro acusou 0,42 mg/l. Os dois homens receberam voz de prisão e foram encaminhados para a Cadeia de Adamantina.