Polícia Civil - Entorpecentes foram incinerados em usina sucroalcooleira

Foto: Polícia Civil - Entorpecentes foram incinerados em usina sucroalcooleira

Após apreensão

Polícia Civil incinera 670 kg de maconha em Dracena

Entorpecentes haviam sido apreendidos em fundo falso do assoalho de caminhão no começo deste mês; havia o total de 1.261 tijolos

  • 31/01/2019 09:12
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

Ontem, a Polícia Civil incinerou aproximadamente 670 kg de maconha que estavam apreendidos na sede da Dise/DIG (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes/Delegacia de Investigações Gerais), em Dracena. A ação ocorreu em fornos de uma usina sucroalcooleira, e contou com o apoio dos agentes das delegacias especializadas, bem como de representantes da Vigilância Sanitária e do MPE (Ministério Público Estadual).

De acordo com o policiamento, a droga incinerada havia sido apreendida no último dia 19, ocasião em que dois homens, 23 e 34 anos, foram presos por transportar a carga ilícita no fundo falso de um caminhão. No total, os militares contabilizaram 1.261 tijolos de maconha preparados para serem comercializados.

Como noticiado por este diário, a abordagem ocorreu quando a Polícia Militar abordou os indivíduos no pátio de um posto de combustíveis às margens da Rodovia Comandante João Ribeiro de Barros (SP-294), em Dracena. Eles foram presos em flagrante por tráfico de drogas.