Polícia Civil - Cão de faro apontou locais com “forte odor de droga”

Foto: Polícia Civil - Cão de faro apontou locais com “forte odor de droga”

APÓS INVESTIGAÇÃO

Polícia Civil desmonta ponto de tráfico no Brasil Novo

Indivíduo de 27 anos estava sendo investigado há três meses, após denúncias que chegaram ao conhecimento das equipes

  • 21/03/2020 08:45
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

Equipes da Polícia Civil desmontaram ontem um ponto de comercialização de drogas no Conjunto Brasil Novo, em Presidente Prudente. A ação resultou na prisão de um homem de 27 anos, apontado como possível traficante, e que estava sendo investigado.

A investigação começou há três meses, após a polícia receber denúncias informando sobre o tráfico de drogas em uma rua do bairro. Diante disso, uma equipe da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) identificou o alvo e passou a monitorar a área.

Durante as investigações, outras denúncias apontaram que o indivíduo usaria terrenos próximos para ocultar o entorpecente.

No dia do flagrante, equipes observaram quando um usuário se aproximou do endereço para adquirir drogas. Ao perceber a presença dos policiais, ele correu e não foi mais visto. Na sequência, o investigado entrou no imóvel, fechou o portão e se trancou no banheiro.

No interior da casa os policiais encontraram dinheiro atrás da porta do cômodo. Com o apoio do Canil do 8º Baep (Batalhão de Ações Especiais de Polícia), o cão de faro apontou vários locais da residência “com forte odor de droga”. Dentro de uma calça havia 11 pedras de crack, embaladas e prontas para a comercialização, segundo a polícia.

Depois do flagrante, o acusado recebeu voz de prisão por tráfico de drogas e permanece à disposição da Justiça.