Pela terceira vez, Prefeitura notifica Prudente Urbano a esclarecer fatos

Documento foi emitido por ordem do prefeito e requer manifestação da empresa sobre problemas recentes na prestação do serviço

GABRIEL BUOSI - Da Redação • 08/02/2018 13:31:11

. Foto: Arquivo, Após notificação, empresa Prudente Urbano deve prestar esclarecimentos à Prefeitura

A Prefeitura de Presidente Prudente, por ordem do prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB), notificou ontem pela terceira vez a Prudente Urbano a prestar “diversos esclarecimentos” a respeito do serviço prestado. A administração, por meio da Secom (Secretaria Municipal de Comunicação) afirma que a empresa deve responder aos questionamentos até o dia 14 de fevereiro. A advogada e porta-voz da Prudente Urbano, Renata Moço, afirma não ter conhecimento sobre o recebimento da notificação.

Conforme a Secom, a Secretaria de Assuntos Jurídicos e Legislativos pede no documento que a concessionária se manifeste a respeito do ocorrido no dia 2 de fevereiro, quando o eixo traseiro de um dos ônibus da frota soltou e atingiu o muro de uma residência no Conjunto Habitacional Ana Jacinta, conforme noticiado por este diário. “O fato foi amplamente divulgado pela imprensa e gerou fortes críticas da população  sobre a frota que a empresa utiliza para conduzir os usuários do serviço”, expõe.

A pasta questiona ainda, conforme a Prefeitura, um vídeo postado em uma rede social no dia 6 de janeiro com informações de que um dos veículos apresentava problemas hidráulicos na direção, além de questionar o cumprimento do contrato de concessão. Diante dos fatos, o poder público requer que a empresa comprove a execução dos serviços e atividades “com eficiência e segurança”, bem como itinerários, quadros de horários das linhas e qualidade dos ônibus. A empresa deve entregar os esclarecimentos até o dia 14 de fevereiro.

A advogada da Prudente Urbano, além de dizer que não tem conhecimento sobre a notificação, ressalta que “todos os questionamentos serão respondidos oportunamente”.

 

Todos os questionamentos serão respondidos oportunamente

Renata Moço,

advogada da Prudente Urbano

 
Comissão Especial

Foi realiza na tarde de ontem a primeira reunião da Comissão Especial que irá verificar os aspectos legais, jurídicos e operacionais da concessão do transporte público em Prudente. Conforme informações da Câmara Municipal, o grupo foi criado a partir da aprovação do Requerimento 03462/17, de autoria de todos os vereadores da casa na sessão ordinária de segunda-feira.

No encontro ficou definido que a comissão irá elaborar ofícios com a solicitação de cópias integrais de documentos, bem como edital e contrato com a Prefeitura. “Os pedidos serão direcionados ao Executivo, Company-Tur, vencedora do certame, e também para o MPE (Ministério Público do Estado de São Paulo)”.

A comissão irá ainda, em data a ser definida, realizar inspeções in loco em departamentos, órgãos e secretarias relacionadas ao sistema de transporte.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste