Pai e filho dão show no Paulo Roberto Lisboa, neste sábado

Júlio e Vinny apresentarão um repertório especial com 23 canções que fazem parte do universo musical de 80 até início de 2000

SANDRA PRATA - Especial para O Imparcial • 03/08/2018 05:48:00

 Em show inédito, pai e filho compartilham palcos e amor pela música. Foto: Cedida

Coisa de família! Dá para resumir dessa forma o show que ocorre às 20h deste sábado, no Teatro Paulo Roberto Lisboa, do Centro Cultural Matarazzo, em Presidente Prudente. Na ocasião, “Júlio e Vinny”, pai e filho, prometem emoções na apresentação de “Sucessos Atemporais” com um repertório especial com 23 canções – entre nacionais e internacionais - que fazem parte do universo musical dos anos 80 até início de 2000. O convite custa R$ 20.

Para enriquecer ainda mais este espetáculo juntam-se a dupla familiar de vocalista os cantores Elly Guimarães, Adriana Cavalcanti e Luis Thiago. Além, dos músicos que compõem a banda: Maurício Garcia (bateria), Júnior Coelho (teclado), Sidmar Crepaldi (guitarra), Marcelo Prezedel (baixo), Inácio Bratfich (maestro/saxofone), Marcos Bratfich (saxofone), Jack (trompete) e Celso Ricardo Santana (trombone).

Júlio César Vidotto, 48 anos, adianta que artistas brasileiros como Lulu Santos, Tim Maia, Roberto Carlos, Gal Costa e Rita Lee estarão representados por ele e por seu filho Vinícius Vidotto de 18 anos.

“Entre os que chamamos de ‘World Music’ vamos cantar Steve Wonder, Paul MacCartney entre outros. Esperamos ocupar todos os assentos do teatro com pessoas dispostas a prestigiar músicas que não morrem. Será uma noite memorável, carregada de emoção, alegria e novas ideias emergentes do cenário musical. Um show com muita informação e diversidade musical”, garante Júlio.

Eternizando a memória

Entre os momentos especiais da noite, Júlio destaca a viagem no tempo, ou melhor, na vida, do maestro prudentino Zito. O músico –falecido há 10 anos - foi escolhido para a homenagem devido a forte marca que deixou na formação da banda.

“Eu e outros dois membros da banda tivemos o prazer de aprender muito com ele durante o período da orquestra Sambalança, inclusive, ele foi durante muito tempo responsável por essa orquestra prudentina que era a única da região na época”, relembra.

A ideia de homenageá-lo, segundo Júlio é trazer um pouquinho de um estilo musical que tem se perdido com o tempo: a orquestra clássica.

“Fiquei dois anos na orquestra do Zito. Eu e o Inácio [saxofonista] tivemos uma boa base com a orquestra na época que fizemos parte dela”, frisa Júlio.

Mescla de vozes

Júlio reforça a importância de dividir o palco com outros timbres, estilos e personalidades. Por esse motivo ele e o filho convidaram os amigos cantores Adriana Cavalcanti, Elly Guimarães e Luis Thiago. “Todos são amigos muito próximos do meu cotidiano, a Adriana é professora de canto e já participou ao meu lado de saraus no Matarazzo. A Elly conheço desde antes dela se tornar conhecida, e o Luís convivo desde a época dos carnavais no Tênis Clube”, comenta.

O objetivo dessa união, conforme Júlio, é além de fomentar a musicalidade local, oficializar uma reunião descontraída há muito tempo esperada com os velhos amigos. “Sempre que nos encontrávamos, falávamos de fazer um show, agora vai”, avisa.

Outro ponto positivo da união é a fuga da monotonia. De acordo com Júlio, por cada um possuir aptidão e gosto para um tipo de música diferente, resultará em um show dinâmico. “Fica gostoso de assistir, não é apenas duas vozes o tempo todo. Elly gosta de samba, Luiz e Adriana curtem mais MPB [Música Popular Brasileira], essa diversidade é o melhor”, acentua.

Facebook Pessoal - Júlio diz que convive com Luis Thiago desde os carnavais no Tênis

Projeto

“Sucessos atemporais 1, 2, 3 e por ai vai...”, esse é objetivo do projeto que dá nome ao show. De acordo com Júlio a ideia é criar uma sequência de apresentações desse tipo de música em festas e eventos na cidade. “Prudente é carente desse tipo de música, tanto que alguns eventos que surgem [bailes flashback] lotam”, destaca.

Segundo ele, infelizmente, músicas atemporais são constantemente associadas como canções velhas e antigas, mas, a verdade não é necessariamente essa. “Não importa a época de lançamento da música, o importante é resistirem ao tempo, nunca serem esquecidas, fazerem parte de trilhas sonoras de filmes, novelas, independente do tempo que passe. A continuação da ‘turnê’ vai depender dos reflexos desta primeira apresentação. Vamos gravar o show e colocar no Youtube, dependendo da repercussão, pensaremos em uma segunda edição, observando os gostos e as preferências das pessoas para ir adequando o repertório”, conta Júlio.

Facebook Pessoal - Sambista, Elly Guimarães é uma das convidadas especiais da noite

Passado, presente e futuro

Apaixonado por música e bandas da década de 80 desde os 15 anos - quando começou a estudar bateria - Júlio conta que a presença em um ambiente – de apresentações e ensaios – fez com que Vinicius crescesse e desenvolvesse o mesmo amor pelo universo musical. “Passou da minha geração para a dele, foi espontâneo, e o interessante é que apesar da diferença de idade [30 anos] temos gostos muito parecidos”, expõe o pai que depois de passar por inúmeras bandas locais decidiu unir forças, ou seja, vozes, com o filho, em duetos.

“Música sempre foi o que me moveu, ela abre os olhos para o mundo, faz com que você sinta e perceba um mundo diferente ao seu redor, a ideia é espalhar isso para as pessoas, causar emoções e perpetuá-la”, pontua.

Justamente por isso, preserva a participação do jovem herdeiro, para não deixar morrer a paixão nas veias das novas gerações. “Gosto muito de ver os jovens aprendendo música, novos cantores surgindo, é importante, faz a gente se alinhar com o universo da música”, explana.

Universo esse que está a cada dia mais com um caráter comercial, conforme Júlio, hoje em dia a música tem evoluído muito e apresentado novas ideias, principalmente no Brasil, com produções instantâneas moldadas em modas momentâneas. “Mas isso tem um lado bom, a música está democratizada, com a cara do povo brasileiro. Tem muitos estilos que agradam os mais diferentes gostos, antigamente não era assim. A tendência é que esse conteúdo rápido e momentâneo se perpetue com a internet, mas incentiva a liberdade de expressão e dá espaço para novas músicas, então não é algo ruim”, explana.

PONTOS DE VENDA DE CONVITES

Mystery Rock Store

Rua Joaquim Nabuco , 500 A – centro, Presidente Prudente

Cultura Inglesa

Rua Barão Rio Branco , 657, centro, Presidente Prudente

 

Audiotech Music Store

Avenida Manoel Goulart , 756 centro, Presidente Prudente

*Ou reservas pelo número (18) 99143-8860 com retirada na bilheteria antes do show.

Serviço

O show “Sucessos Atemporais” será realizado, amanhã, às 20h, no Teatro Paulo Roberto Lisboa no Centro Cultural Matarazzo, localizado na Rua Quintino Bocaiúva, 749 - Vila Marcondes, Presidente Prudente.

Facebook Pessoal - Adriana Cavalcanti também sobe ao palco para cantar ao lado de Júlio e Vinny

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste