Marcio Oliveira: Sesc Thermas de Presidente Prudente promoveu a atividade na tarde de ontem para 50 crianças “animadas com a atividade”

Foto: Marcio Oliveira: Sesc Thermas de Presidente Prudente promoveu a atividade na tarde de ontem para 50 crianças “animadas com a atividade”

Fora da rotina

Oficina ensina slime para 50 crianças em Prudente

Grupo se reuniu ontem no Bosque do Sesc, quando instrutores passaram o passo a passo da receita para a diversão da criançada

  • 25/01/2019 07:29
  • GABRIEL BUOSI - Da Redação

O Bosque do Sesc Thermas de Presidente Prudente, na tarde de ontem, era só alegria e diversão por parte da criançada que se inscreveu para a oficina de slime, novo fenômeno e que atrai público de todas a idades. As 50 vagas disponíveis pela unidade foram preenchidas por um grupo pra lá de animado e disposto a não sair de lá sem ter a receita na ponta da língua e após criar muitas gelecas, como também são chamadas. “É a atividade do momento e que agrada a maior parte da criançada. O objetivo é o de ensinar e mostrar os cuidados na hora de criar o produto, que pode ser feito em casa”, afirma o instrutor de atividade física, Rodrigo Guerra.

A concentração no Bosque teve início às 14h e ocorreu até próximo das 17h. O grupo de crianças estava caracterizado com coletes do Sesc, e sentados embaixo da árvore que faz parte do ambiente, cada um recebeu o seu kit com os ingredientes que dariam vida ao slime. “Aqui no Sesc costumamos realizar ações que resgatam as brincadeiras antigas e lúdicas, mas também misturamos com a atualidade, para que todos os gostos sejam alcançados”, afirma Guerra. Ontem, por exemplo, o objetivo do encontro era o de ensinar o passo a passo para o sucesso da receita (veja o box), bem como mostrar quais cuidados ter neste momento.

 

Olho

É a atividade do momento e que agrada a maior parte da criançada. O objetivo é o de ensinar e mostrar os cuidados na hora de criar o produto, que pode ser feito em casa”

Rodrigo Guerra,

instrutor de atividade física

 

A interação com as demais crianças e o momento de diversão fora do ambiente de casa foram alguns dos motivos que fizeram com que a administradora, Marjorie Magri, levasse quatro crianças na atividade de ontem, sendo o filho de nove anos e um amigo dele e a filha de quatro anos e sua colega. “Soube por meio da programação do Sesc, pois sempre acompanho a unidade. É importante, pois eles ficam em casa ociosos e por mais que tentamos limitar o uso da televisão ou do vídeo game, a gente sempre acaba cedendo”, informa.

Por isso, ela lembra que resolveu reunir as crianças com demais colegas, para proporcionar uma rotina diferente daquela vivida no período de férias. “A gente já até tentou fazer algumas vezes o slime em casa, mas nem sempre tivemos sucesso, daí também a importância da mãe acompanhar e não ficar de fora da receita do produto”, afirma com um sorriso no rosto. As crianças compartilham da mesma ideia, já que a pequena Helena de quatro anos, filha de Marjorie, não deixou de mencionar as tentativas do pai em casa, que não foram “muito um sucesso”, nas palavras da criança. “Eu gosto bastante e estou amando estar com minha amiga”. Ela se referia à Ana, também de quatro anos, que lembra ter visto pela primeira vez a geleca na internet, quando tentou fazer. “Está sendo bem divertido, quero vir mais vezes”.

 

PASSO A PASSO SLIME

 

- Separar cola branca (quanto mais cola, maior ficará)

- Corante (Misture bem com a cola)

- Uma pitada de bicarbonato de sódio (misture bem)

- 1 colher de café de água boricada

- Espuma de barbear em jato (misture até dar o posto do slime)

 

Dica: se grudar muito na mão, coloque mais água boricada. Se ficar muito mole, acrescente mais espuma de barbear.