Motorista é preso por tráfico e embriaguez

Quantidade de maconha foi localizada em fundo falso de caixa de som; teste etilométrico apontou álcool acima do permitido

ROBERTO KAWASAKI • 07/06/2018 17:42:15

Maconha e skank foram localizados em fundo falso de caixa de som, em caminhão. Foto: Polícia Militar Rodoviária

Por volta das 22h30 de ontem, a Polícia Militar Rodoviária prendeu um homem, 56 anos, ao flagrar em vistoria veicular 15,030 kg de maconha e 5,130 kg de skank (maconha com efeito mais concentrado). A abordagem ocorreu na Rodovia Euclides de Oliveira Figueiredo (SP-563), em Mirante do Paranapanema, durante a Operação Servir e Proteger, que visa à prevenção de roubo de carga nas rodovias.

Enquanto realizava a fiscalização, a equipe TOR (Tráfico Ostensivo Rodoviário) abordou um caminhão MBenz/LS, com placas de Dourados (MS), que tracionava dois semirreboques SR/Guerra, com placas da mesma localidade. Em conversa com o condutor, foi realizada busca nos veículos e dentro da caixa de som da cabine de um deles, os militares localizaram um fundo falso na caixa de som. Ao abrirem o equipamento, localizaram 25 tabletes de maconha, que totalizaram 15,030 kg. Além disso, na bagagem havia também 10 pacotes de skank, com o total de 5,130 kg.

Ainda na abordagem, o motorista do caminhão foi convidado a realizar o teste etilométrico, que aferiu a quantidade de 0,36 mg/l de ar alveolar. Como apresentava quantidade de álcool acima do permitido, os policiais elaboraram um auto de infração, com base no artigo 165 do CTB (Código de Trânsito Brasileiro).

Diante dos fatos, ele recebeu voz de prisão em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e embriaguez ao volante, sendo encaminhado à Delegacia de Polícia de Mirante do Paranapanema. Além da apreensão dos entorpecentes, foi recolhido também um telefone celular e R$ 995,50 em espécie. Conforme a Polícia Civil, até o fim desta tarde, o acusado passava por audiência de custódia.

 

 

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste