Desentendimento

Morador de rua mata outro em Osvaldo Cruz

Vítima, de 52 anos, entrou com o agressor, de 39 anos, em uma casa desocupada para passar a noite, mas começaram a discutir e entraram em luta corporal

ANDRÉ ESTEVES - Da Redação • 05/07/2018 14:23:47

A Polícia Militar prendeu um homem, de 39 anos, acusado de agredir e matar outro, de 52 anos, em uma residência desocupada em Osvaldo Cruz, na noite de quarta-feira (4). Ambos eram moradores de rua.  A vítima chegou a ser resgatada com vida e encaminhada ao Pronto-Socorro do município, no entanto, não resistiu aos ferimentos. De acordo com o testemunho do indiciado, um desentendimento teria motivado o crime.

Segundo a Polícia Militar, uma equipe foi acionada, por volta das 20h, a respeito de uma possível invasão em uma casa na Rua Salgado Filho. No local, os policiais verificaram que se tratava de uma residência para locação e, ao adentrá-la pelo portão da frente, avistaram vestígios de sangue e vidros estilhaçados no corredor. Aos fundos do imóvel localizaram o corpo da vítima, que estava caído no chão e apresentava ferimentos no rosto e dificuldades para falar. Imediatamente, foi acionada uma unidade de resgate, sendo o homem encaminhado à unidade de saúde.

Na residência também se encontrava o agressor, que tinha escoriações nas mãos. Questionado sobre o ocorrido, respondeu que estava acompanhado da vítima quando viram a casa vazia e entraram para dormir. Ali, os dois se desentenderam e entraram em luta corporal, com socos e pontapés. O indiciado também foi conduzido ao Pronto-Socorro para receber atendimento médico. Em seguida, recebeu voz de prisão em flagrante delito pelo crime de lesão corporal seguida de morte. A perícia foi acionada para apurar as circunstâncias do crime.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste