Polícia Civil - Material foi apreendido em flagrante

Foto: Polícia Civil - Material foi apreendido em flagrante

FLAGRANTE

Máquina de cartão é apreendida em comércio de cocaína na Vila Santa Helena

Conforme informado por um “cliente”, equipamento foi utilizado para debitar o valor da droga adquirida

  • 27/09/2019 19:34
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

Na quinta-feira, investigadores da Dise (Delegacia de Investigações Sobre Entorpecentes) prenderam duas pessoas que realizavam a venda de cocaína em uma praça na Vila Santa Helena. O local fica próximo à sede da delegacia. Durante abordagem, a polícia apreendeu uma máquina de cartão que, conforme informado por um “cliente”, teria sido utilizada para debitar o valor da droga adquirida.

De acordo com a delegacia especializada, duas pessoas, de 25 e 29 anos, foram flagradas vendendo a droga para um terceiro indivíduo. Ao perceber a aproximação dos investigadores, o rapaz tentou sair com a motocicleta, no entanto, foi abordado. Com ele havia dois invólucros contendo cocaína.

Ele disse aos policiais que comprou a droga de um casal, e que havia efetuado o pagamento via cartão de débito. Com os outros dois, foram encontrados mais dois invólucros da mesma droga, bem como a quantia de R$ 1 mil em espécie, além da máquina.

Em depoimento, alegaram que o equipamento pertence ao estabelecimento comercial, o qual são proprietários.

Vieram de fora

Segundo a polícia, o casal alegou ser de Indiana. Com o endereço em mãos, a delegacia solicitou apoio às polícias Civil e Militar da cidade vizinha. As equipes se deslocaram ao local informado e realizaram buscas na residência e estabelecimento.

Conforme a Dise, foram encontrados mais entorpecentes embalados da mesma forma como os apreendidos em Prudente. Além disso, havia uma balança de precisão e sacos plásticos para embalar drogas.

Diante dos fatos, o casal teve a prisão em flagrante ratificada e continua à disposição da Justiça. Já o usuário foi ouvido e liberado.