Mais que diversão, Expo Prudente deve aquecer economia da cidade

  • 30/08/2019 00:05

Seguem a todo vapor os preparativos para a Expo Prudente 2019, que ocorre entre os dias 6 e 15 de setembro. Quem passa pelo Recinto de Exposições Jacob Tosello já percebe há dias a grande movimentação de pessoas trabalhando no local, para deixar tudo no jeito e garantir que a festa saia como planejado. A montagem da estrutura, de acordo com a organização, está em fase final e bem adiantada.

Além de ampla praça de alimentação e os famosos shows - que sempre atraem multidões e geram grande expectativa -, haverá leilões, rodeio, boate, ciclo de palestras, parque de diversões, exposições de grandes e pequenos animais e dezenas de estandes. Tudo pensando em agradar ao público, que segundo prevê a organização, deve chegar a 80 mil pessoas neste ano.

Porém, muito mais que entretenimento, a Expo Prudente deve também aquecer a economia da cidade. Conforme matéria publicada na edição de hoje, a feira espera movimentar em torno de R$ 10 milhões, contando tudo que envolve a festa, até o estacionamento. Por dia, para se ter uma ideia, mil pessoas devem trabalhar no local, entre seguranças, ambulantes, parque, comerciantes e serviços gerais.

Nestes 10 dias de evento ou até mesmo antes, quantos setores não acabam faturando? É comum encontrarmos hotéis e restaurantes lotados, comércio de roupas, calçados e acessórios country em geral já aquecidos, diferentes produtos sendo vendidos no período dentro e fora do recinto. Postos de gasolina ganham, ambulantes fazem a festa... a verdade é que muitos encontram, anualmente, com a exposição, uma forma de conseguir renda extra.

E um evento assim todo ano é um verdadeiro presente de aniversário à cidade. Tudo vem sendo preparado pensando exclusivamente no público. Só com a presença dele, daqui a uma semana, a Expo pode continuar sendo e fazendo a alegria de muita gente.