Judoca prudentino conquista ouro no Paulista 2018

Delegado regional bateu outros três competidores até chegar ao pódio da competição no dia 28 de julho

JULHIA MARQUETI - Especial para O Imparcial • 02/08/2018 05:03:00

. Foto: Cedida/ André Gonçalves: André, delegado regional, conquistou o ouro do peso médio no Paulista

Em 30 anos de judô, o atual delegado regional da Federação Paulista, André Gustavo Costa Gonçalvez, conquistou mais uma medalha em sua trajetória, desta vez em Mauá (SP). Pela categoria peso médio/ máster 3, o lutador precisou passar por três lutas até que subisse ao pódio para receber o ouro no Campeonato Paulista Master de Judô, no sábado, 28. Perdido nas contas, André não tem certeza de quantas medalhas já conquistou nestas três décadas de contribuição, mas afirma que a modalidade se tornou parte de sua vida.

“O judô hoje, pra mim, é saúde, amizade, confiança, trabalho, lazer, oportunidade, aprendizado e prosperidade”. Foi assim que André resumiu a importância do esporte para ele após mais uma conquista e colocou como satisfatória o fato de ainda poder conquistar bons resultados. “É uma alegria muito grande! Pude contar também com ajuda dos companheiros de treino e dedicação para consegui esse título, tudo se torna importante, cada passo”, destacou.

Segundo ele, a competição não foi simples, mas nunca passou pela sua cabeça deixar a vitória para outro ano. “Eu estava bem preparado, já vinha de um treinamento forte e um bom resultado dos jogos regionais, mas o nível estava alto. Ninguém vai despreparado para o Paulista e se bobear fica para o ano seguinte, mas nunca quis deixar para 2019”, afirma.

Acreditando ter chego a centésima medalha, André conta que em cada luta que fez, independente do nível de dificuldade, sempre procurou fazer o melhor possível. “Cada vez que lutei fiz procurei sempre estar focado para um bom resultado, pela satisfação de fazer boa participação”, ressalta.

Atual delegado regional, André cita competições que já participou ao longo destes anos e conta que sua vontade é permanecer no esporte por mais um longo tempo. “Participei de vários torneios amistosos e oficiais como o Campeonato Regional, Estadual do Interior e Jogos Regionais. Algumas competições são para mais jovens, então não posso participar, mas qual eu conseguir me comprometer e treinar de acordo, com toda certeza, vou continuar buscando fazer o necessário para participar e buscar bom resultado”, conclui.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste