DANO QUALIFICADO

Jovem de 14 anos é suspeita de atear fogo em cortina de escola

Momentos antes, ela foi vista com um isqueiro dentro do banheiro da unidade de ensino; chamas danificaram carteira, cadeira e parede

  • 12/09/2019 14:15
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

Uma adolescente de 14 anos é suspeita de ter ateado fogo na cortina da sala de aula de uma escola estadual localizada na Avenida Paulo Marcondes, em Presidente Prudente. O dano ocorreu ao final da tarde de quarta-feira, pouco antes de os alunos serem dispensados. Conforme a Polícia Militar, as chamas danificaram carteira, cadeira e parede.

Diante do ocorrido, o local foi isolado e o fogo foi controlado pelo diretor da escola. De acordo com testemunhas, a jovem foi vista com um isqueiro dentro do banheiro da unidade de ensino, no momento em que antecedeu o incêndio.

Consta no boletim de ocorrência que quando os militares chegaram ao local, a estudante já havia ido embora. No entanto, conversaram com a mãe da acusada que compareceu à escola e forneceu dados da infratora.

Segundo a polícia, a responsável conseguiu contato com a filha, porém, negou os fatos. O IC (Instituto de Criminalística) esteve na sala de aula e efetuou o trabalho de perícia. Até a finalização da ocorrência ela não havia sido localizada.