Jornal possibilita contato com gêneros textuais

  • 20/11/2018 05:57
  • O Imparcial na Escola

 

EM Ettore Marangoni


O projeto O Imparcial na Escola Municipal Ettore Marangoni tem uma importância muito grande para a unidade escolar, pois tem possibilitado aos alunos o contato com diferentes gêneros textuais e é utilizado como um recurso didático, compondo o planejamento e, portanto, a rotina semanal de todas as salas de aula de 1º ao 5º ano, visto que a partir desse material impresso as professoras realizam a leitura de manchetes e de notícias dentro de uma roda de conversa destacando sempre os seguintes itens: “o que”, “quando”, ”quem”, “como” e o “porquê”, observam junto com os alunos a previsão do tempo, destacam a coluna infantil que é publicada todas as quintas feiras, discutem assuntos importantes dentro do conteúdo que vem sendo trabalhado, exploram as imagens, as palavras, o texto dentro de um contexto, a interpretação da notícia lida, permite a discussão sobre o que se leu, manuseiam o material, buscam informações por si próprios.

 

Realidade

Levar o jornal para a sala de aula é trazer a realidade para as aulas e permitir que os alunos tomem ciência dos fatos, falem sobre eles, opinem, aperfeiçoe seu senso crítico e até desejem criar uma nova realidade para o mundo em que vivem. Todos os professores dentro de uma organização própria possibilitam que após o trabalho desenvolvido em sala de aula, alguns dos alunos levem esse material para sua casa a fim de ler e discutir com seus familiares as notícias trazidas pelo mesmo.

              

Atividade específica

Os alunos de 5º anos têm desenvolvido uma atividade específica com o jornal que se dá da seguinte forma: No 5º ano A, a professora Gisele Moro organizou um caderno temático (caderno de desenho encapado com tecido desenhado escritas de jornal) com o nome “A voz do 5º ano A” onde eles levam para casa o mesmo e também um exemplar do jornal para que após fazerem a leitura do jornal com a família, eles escolham uma notícia que mais lhes chamou a atenção e façam o recorte da mesma para inseri-la no caderno específico, onde eles têm um roteiro de questões para serem respondidas sobre a reportagem. No dia seguinte o aluno tem a tarefa de apresentar para toda a classe a notícia escolhida e as principais informações que foram extraídas da mesma. Neste caso, a escolha dos alunos para levar o caderno é feita seguindo a ordem alfabética e alternando entre um menino e uma menina diariamente.

 

Caderno temático

No final do ano letivo, eles terão um caderno com diversas reportagens escolhidas pelos alunos.        No 5º ano B a professora Sônia Molina organizou uma proposta semelhante no que diz respeito a levar para casa um caderno temático onde é escrito semanalmente uma carta de leitor baseado em uma notícia lida. Ela envia pelo menos dois exemplares e o caderno (caderno de desenho encapado com jornal) e assim o aluno de posse do material deve ler e recortar a notícia específica, colando-a no caderno e elaborando uma carta de leitor sobre a mesma. A atividade foi denominada “Sacolinha do Jornal”.          No dia seguinte a professora lê com eles a notícia e a carta de leitor elaborada e de acordo com a necessidade ela faz as correções pertinentes de maneira oral e pede que o aluno refaça as partes mais comprometedoras.

 

Avanços

Segundo as professoras, elas já percebem avanços no processo de ensino aprendizagem, visto que esta atividade proporciona tanto o trabalho com a leitura e a escrita, também como a oralidade no momento da socialização para a classe e da análise linguística, visto que são revisadas estas produções e a partir dessas são retomados pontos que precisam ser reorganizados tanto do aspecto da estrutura quanto da ortografia. Houve também um aumento do vocabulário, melhora na interpretação textual e na participação deles dando suas opiniões durante as aulas.

 

Efeito positivo

Neste sentido, podemos destacar que em todos os aspectos temos percebido um avanço muito grande dos alunos que são apontados pelas professoras durante as reuniões de conselho de classe e em HTPCs. Isso se dá em relação a uma série de situações didáticas que vem sendo repensadas e reorganizadas, porém o projeto jornal é uma das estratégias que têm surtido efeito positivo e tem garantido o suporte necessário para desenvolver habilidades importantes principalmente na área de Língua Portuguesa.

 

 

FOTO 10

Alunos do 5º ano A da professora Gisele Moro realizando atividades com o jornal

 

 

FOTO 20

Alunos do 5º ano A realizando a leitura da atividade realizada no caderno “A voz do 5º ano A”

 

 

FOTO 30

Caderno de atividades do 5º ano B com o registro de uma carta de leitor após a leitura da notícia. Aluno revisando seu texto

 

 

FOTO 40

Alunos do 5º ano B apresentando o caderno e um exemplar que são utilizados na “Sacola do Jornal”.

 

 

 

Diretora: Eugenia Aparecida Mauri Delli Colli

Orientadora pedagógica: Lilian Maria Martins Paris Silva

 

ÚLTIMAS DO AUTOR

EM PADRE EMÍLIO BECKER

  • 16/04/2019 11:00

EM “DR. PEDRO FURQUIM”

  • 02/04/2019 10:00
O Imparcial na Escola

O Imparcial na Escola

O Imparcial na Escola é um programa socioeducativo, idealizado por esta folha, de responsabilidade social, com objetivos múltiplos dentro do campo da educação, com fomentos à leitura, à escrita, à criticidade, entre outros, aplicando o conteúdo deste diário em sala de aula de forma multidisciplinar e tratando de temas transversais: ética, cidadania, direitos e deveres.

PUBLICIDADE