José Reis: Fieis marcaram presença na Catedral São Sebastião, em Presidente Prudente

Foto: José Reis: Fieis marcaram presença na Catedral São Sebastião, em Presidente Prudente

QUARESMA

Imposição das cinzas reúne fieis em Prudente

Simbologia colocada sobre as cabeças é tradição e marca o início da estação espiritual ao cristão que deseja se preparar para viver o Mistério Pascal, a Páscoa

  • 07/03/2019 08:00
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Reportagem Local

Penitência, adoração, fé e oração intensificada. A Quarta-Feira de Cinzas iniciou o período da Quaresma. Até o dia 18 de abril, os fieis da igreja católica permanecerão 40 dias em conversão e oração. Ao meio-dia de ontem, religiosos se reuniram na Catedral São Sebastião, em Presidente Prudente, onde puderam participar da missa e receber a imposição das cinzas. A simbologia, colocada sobre as cabeças, é tradição, e marca o início da estação espiritual ao cristão que deseja se preparar para viver o Mistério Pascal, popularmente conhecido como a celebração da Páscoa, que significa a Paixão, Morte e Ressurreição do Senhor Jesus.

Pouco antes do início da celebração, os fieis já se reuniam na Praça Monsenhor Sarrion, centro de Prudente. Dentro da catedral, sacerdote e ministros finalizam os últimos detalhes para levar a palavra aos católicos. Aos poucos, o público adentrava na igreja, pegava o folheto e seguia cada um para o seu cantinho, aquele, reservado para buscar aconchego para meditar. O silêncio já dizia tudo: reflexão. E este momento foi aproveitado pelo advogado Luciano Farias de Oliveira Isiliani, 29 anos, enquanto aguardava o começo da missa. “É uma prática que levo comigo, onde busco cumprir os ensinamentos demonstrados por Jesus por meio da palavra”, afirma.

Quem também aproveitou o momento e refletiu sobre as dificuldades da vida, foi Gisele Silva, 32 anos, que atualmente está desempregada. “Frequento a celebração há muito tempo. No período da Quaresma, entro em estado de oração e meditação. É um hábito que está sempre presente em minha vida”, salienta a católica.

O pensamento positivo é algo que muitos ainda não conseguem por em prática, diferente da aposentada Maria Bezerra da Silva, 63 anos, que fez questão de reservar o horário para ir à catedral. Ela acredita na importância dos bons pensamentos, e afirma ser necessária a participação e recebimento da cinza.

Preparação espiritual

Segundo a tradição católica, o período Quaresmal remete a uma profunda reflexão que direciona os fiéis para aos 40 dias que o povo Hebreu passou caminhando pelo deserto ao ser liberto do Egito até a terra prometida, bem como dos 40 dias em que Jesus passou no deserto realizando momento de oração e intimidade com Deus. “O momento é de preparação, para celebrarmos o sofrimento, paixão, morte e ressureição do Senhor Jesus Cristo, que é lembrado com chegada da Páscoa. Durante estes dias, nós somos convocados pelo Evangelho a fazer parte do período”, afirma o pároco Monsenhor José Antônio de Lima.

Segundo o sacerdote, o marco, depois do carnaval, é para que se inicie a preparação espiritual que antecede “a grande celebração”, a Páscoa. A data de ontem também foi marcada pela abertura da Campanha da Fraternidade 2019 que tem como tema “Fraternidade e Políticas Públicas”, e o lema “Serás libertado pelo direito e pela justiça”. (Is 1,27). “Todos os anos ela faz parte do tempo Quaresmal, ocasião em que todos nós somos chamados a refletir sobre o tempo”, informa o pároco.