PERSEGUIÇÃO

Homem em fuga solta cachorro pitbull contra policiais, que matam o animal

Motociclista afirmou ter fugido da viatura por "estar usando chinelos e pelo fato de a moto estar sem retrovisor", temendo ser multado

  • 20/01/2020 12:52
  • DA REDAÇÃO

A Polícia Militar perseguiu, na manhã de hoje, um motociclista de 18 anos que fugiu da equipe pela contramão de vias públicas e cruzando sinais vermelhos. Em determinado momento, ele entrou em uma residência e soltou um cachorro da raça pitbull contra os policiais, que atiraram e mataram o animal.

O condutor foi abordado e, questionado, afirmou ter fugido da viatura por "estar usando chinelos e pelo fato de a moto estar sem retrovisor". Por esta razão, temia ser multado. A motocicleta foi recolhida ao Pátio Municipal de Apreensão de Veículos.

No boletim de ocorrência, a corporação informa que o disparo contra o cachorro foi feito para evitar um possível ataque aos policiais. "Se o ataque foi espontâneo do animal, é estado de necessidade, pois não foi causado por ação humana, configurando, na verdade, um perigo e não uma injusta agressão", comunica a polícia. "Se o ataque do cão foi ordenado pelo investigado, o cão se constitui instrumento da agressão humana. Nessa hipótese, o ataque pode ser repelido como legítima defesa", complementa. O caso será apurado.