Viciado em maconha

Homem é detido após agredir a mãe, em PP

Durante abordagem ao rapaz, foi constatado que havia medida de afastamento do mesmo à mulher; outra agressão ocorreu em 2016

ROBERTO KAWASAKI - Da Redação • 14/05/2018 20:20:55

Na tarde de sábado, a Polícia Militar em Presidente Prudente abordou um homem que havia supostamente agredido a mãe, após ela ter jogado fora algumas cigarros de maconha de sua propriedade. Diante da ocorrência, foi constatado que, em 2016, o rapaz também havia agredido a mãe, situação que ocasionou medida de afastamento da casa. O caso foi registrado como lesão corporal, ameaça, injúria, violência doméstica e descumprimento de medida protetiva de urgência.

O Copom (Comando de Operações da Polícia Militar) recebeu uma denúncia em que relataram que uma mãe estaria sendo espancada pelo filho. Diante do fato, uma equipe da Polícia Militar foi encaminhada até o local onde, de acordo com o boletim de ocorrência, uma senhora de 57 anos contou que o seu filho é viciado em maconha e, desde sexta-feira, estaria sendo agredida por ele.

Conforme o relato, a mãe teria eliminado algumas bitucas de maconha, situação que o filho de 37 anos, agrediu a mulher com socos e chutes, tendo batido a cabeça da mesma na parede. Ainda de acordo com o boletim, ele jogou a mãe no chão e pisou em cima dela. Diante dos fatos, os policiais saíram em patrulha pelas imediações para localizar o autor, que havia se evadido da residência.

Nas proximidades, ele foi abordado e revistado pelos policiais e no depoimento aos agentes, contou que havia discutido com a mãe e que tentava se defender a partir do momento em que ela teria pegado uma faca para investir contra o mesmo. No relato da vítima, ela informa que contra o seu filho, havia uma medida de afastamento de sua casa devido à outra agressão praticada em 2016. No entanto, ao sair da unidade prisional, voltou para a casa e com medo de denunciar o fato, a mãe permitiu que ele ficasse.

Pelo relato da vítima e lesões constatadas, o homem recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil, onde permanece à disposição da Justiça.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste