2ª edição

Grupo Amigas (os) Almofadas do Coração promovem Chá-bingo

Evento visa arrecadar fundos para a confecção de almofadas que auxiliam na recuperação de mulheres, em pós-operatório, em tratamento de câncer

03/03/2018 13:00 • OSLAINE SILVA - Da Redação
Arquivo Pessoal, Felizes, as Amigas do Coração exibem as almofadas que confeccionam no projeto Arquivo Pessoal, Felizes, as Amigas do Coração exibem as almofadas que confeccionam no projeto

Neste domingo, o grupo Amigas (os) Almofadas do Coração realiza a 2ª edição do Chá-bingo beneficente que irá arrecadar fundos para a confecção de almofadas que auxiliam na recuperação de mulheres em tratamento de câncer após cirurgia mamária. Além de delícias como doces, bolos, sucos e salgados o evento será embalado com música ao vivo com a cantora Bia Marks, bingo e muita animação, na Casa do Advogado. Os convites foram todos vendidos.

De acordo com a idealizadora do grupo, Sonia Alves Macedo, poucos convites foram disponibilizados, porque a intenção não era de fazer algo para uma multidão, mas confraternizar e receber bem aquelas pessoas que estão por perto, que já abraçam com ela e as demais voluntárias, esta causa.

Sonia explica que as almofadas que produzem precisam de materiais especiais como fibras siliconadas, que não esquentam e não correm o risco de pegar fogo. Que após serem lavada, voltam ao seu estado normal. E a renda do chá é exatamente para a compra de fibras, embalagens e tecidos.

“Comecei sozinha esse trabalho. Achei que daria conta. Algumas amigas me ajudavam doando material... Mas, percebi que se tivesse um grupo seria muito melhor. E aqui estamos. Fizemos o primeiro chá no ano passado e agora o segundo para receber os amigos que nos ajudam”, expõe Sonia.

Ela faz questão de agradecer o empenho, a ajuda de Wesley Cotini, vice presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) 29ª subseção, que ajudou o grupo cedendo o espaço e conseguiu brindes de valor alto até, abraçando esta causa assim como o grupo abraça aquelas que necessitam tanto de carinho e do conforto das almofadas no pós-operatório.

“Agradecemos a todos que estão envolvidos dando apoio e a da OAB, a Fraternidade Cruzeiro do Sul em nome de Ana Lucia Paes e a todos os doadores dos brindes que serão sorteados, mas serão lembrados no domingo, com certeza”, alegra-se Sonia.

 

Faz bem ao coração!

Com esta frase, o vice-presidente da OAB e voluntário desta iniciativa atendeu a reportagem. Segundo ele, o grupo o procurou pedindo ajuda e apoio por saber que ele sempre está à frente de projetos sociais pela OAB.

“Gosto muito de poder trabalhar essa parte social em prol dos que precisam de alguma forma. Elas me explicaram sobre a atuação do grupo, o que faziam e para quem faziam, bem como, a falta de apoio e recursos por não serem tão conhecidas. Prontamente me apaixonei pelo proposito delas em ajudar as mulheres que passam pelo tratamento do câncer de mama doando as almofadas. Gesto simples e maravilhoso que auxilia tanto fisicamente como psicologicamente”, explica o advogado.

Wesley menciona que cederam o espaço sem qualquer custo, conseguiram as cadeiras, mesas, toalhas e brindes para ajudar no evento organizado com tanto carinho e dedicação das mulheres do grupo.

“Dez advogados jovens estarão com elas no chá. Queremos, além de ajudar no que for preciso, divulgar o grupo e o trabalho delas para a nossa cidade e região. Para que possam ser acolhidas da mesma forma que a sociedade acolheu o hospital do câncer e outros grupos e instituições já conhecidas. Temos que ajudar a todos”, ressalta o vice-presidente da OAB.

 

Retomando

No início da semana, foi publicada neste impresso, outra reportagem sobre o grupo Amigas do Coração, um projeto que, desde 2015, confecciona e distribui almofadas a mulheres que estão passando por tratamento de câncer de mama. O objetivo do “simples” gesto de aproximadamente 40 voluntárias é amenizar a dor de mulheres no pós-operatório.

Segundo elas, produzem com todo carinho, capricho e zelo os acessórios que as pacientes devem usar embaixo das axilas para dar mais conforto após a cirurgia. Sempre dispostas a ajudar, cada uma fica responsável por uma tarefa para esse trabalho continuar.

 

Queremos, além de ajudar no que for preciso, divulgar o grupo e o trabalho delas para a nossa cidade e região. Para que possam ser acolhidas da mesma forma que outros grupos e instituições já conhecidas. Temos que ajudar a todos”

Wesley Cotini, 
vice-presidente da OAB

 

Serviço

Quem sentir vontade de ajudar o grupo Amigas (os) Almofadas do Coração de alguma forma, basta entrar em contato com Sonia Alves Macedo pelo telefone (18) 98139-9627 ou diretamente em sua casa que é onde as amigas se reúnem para confeccionar as almofadas: Rua Alberto Cerveline, 131, Jardim Santa Paula.