José Reis: Prudente dispõe atualmente de uma frota com 174.680 veículos

Foto: José Reis: Prudente dispõe atualmente de uma frota com 174.680 veículos

MOBILIDADE

Frota de Prudente soma quase 1 veículo por pessoa

Cenário acompanha a crescente no número de novos emplacamentos; no comparativo ao primeiro trimestre de 2018, houve alta de 2,13% neste ano

  • 07/07/2019 06:20
  • GABRIEL BUOSI E OSLAINE SILVA - Da Reportagem Local

O município de Presidente Prudente dispõe de uma frota com 174.680 veículos, conforme aponta levantamento realizado pelo Detran-SP (Departamento Estadual de Trânsito), em abril deste ano. Se considerada a estimativa populacional do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), correspondente a 227.072 habitantes no ano passado, indica 1,2 pessoa por veículo. “Um aumento expressivo que não foi previsto para suportar o grande fluxo demandado, atualmente, de veículos circulantes na malha viária. Logo, estudos e pesquisas são colocados em prática para melhorar o trânsito, bem como garantir a segurança dos usuários”, expõe Adauto Lúcio Cardoso, titular da Semob (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública) do município.

Este cenário acompanha a crescente no número de emplacamentos de veículos novos. Em um comparativo ao primeiro trimestre de 2018, houve uma alta de 2,13% neste ano. De janeiro a março de 2019, foram registrados 1.294 veículos, superando os 1.267 em 2018.

Conforme os dados do Detran, se o número de emplacamentos é maior, mais carros estão sendo vendidos. Dessa forma então, a reportagem entrou em contato com três concessionárias de Prudente que se mostram otimistas após crise violenta que assolou o país em todos os setores/segmentos.

Luciano Muchiutt, 45 anos, da V. Muchiutt Veículos e Peças, concorda que os números estão nessa casa mesmo, diferente do Brasil, que apresenta um crescimento um pouco mais forte. “Varia bastante de região para região. Mas, as melhoras são visíveis graças à confiança. Os bancos estão ofertando mais créditos, as taxas caíram. Então, acredito que isso começa acelerar mais forte daqui pra frente. Porque carro é crédito. Quando os bancos começam emprestar, as coisas funcionam”, expõe Luciano Muchiutt.

Paulo Jordão Amorieli, 42 anos, gerente da Liane Veículos, é ainda mais otimista e revela que na concessionária o crescimento nas vendas de veículos novos chegou aos 20%. Segundo ele, “graças a Deus a crise na loja passou faz um tempo”. “Primeiro pela disposição de novos modelos, a linha se modificou com os novos carros Polo, T-Cross e o Virtus, por exemplo. E também, por termos intensificado tanto nossa mídia quanto um trabalho interno de prospecção diária. Nós fomos atrás dos clientes. Cada um tinha metas a cumprir. Então, se conseguimos passar por isso utilizando essas ferramentas, se deram certo em um momento ruim, agora que estamos bem, a tendência é ser melhor ainda”, acentua Jordão.

Embora José Luciano Bueno dos Santos, 42 anos, gerente da Proeste Nissan, não saiba precisar com detalhes, pois está há pouco tempo na gerência da concessionária, desde janeiro com nova gestão, ele ressalta que pelos números que tem visto, juntamente com a gradativa estabilidade, aumentaram sim e até mais.

Tipos de veículos

Os dados do Detran estão relacionados a meios de transporte como ciclomotor, motoneta, motociclo, triciclo, pertencentes ao nível leve um; micro-ônibus, camioneta, caminhonete e utilitário (nível leve 2); carros (leve 3), ônibus, caminhões, reboque (reboque e semirreboque) e outros (caminhão-trator, trator de rodas, trator de esteiras, trator misto, chassi ou plataforma, sidecar e motor-casa).

A reportagem tentou contato com a Secom (Secretaria Municipal de Comunicação) para saber em que os números implicam na receita do município, mas até o fechamento desta edição não obteve resposta.

 

Saiba mais

LEVES -1       

Ciclomoto        

Motoneta

Motociclo

Triciclo

LEVES -2       

Micro ônibus

Camioneta

Caminhonete

Utilitário

LEVE – 3

Automóvel

 

EMPLACAMENTOS DE VEÍCULOS

 

2018

Mês

Leve 1

Leve 2

Carro

Ônibus

Caminhão

Reboque

Outros

Total

Janeiro

105

77

239

0

2

24

0

447

Fevereiro

110

57

160

0

1

31

0

359

Março

126

79

205

7

7

37

0

461

 

 

 

 

 

 

 

 

1.267

 

 

2019

Mês

Leve 1

Leve 2

Carro

Ônibus

Caminhão

Reboque

Outros

Total

Janeiro

115

75

176

0

1

31

0

398

Fevereiro

132

78

203

0

5

31

0

449

Março

122

80

200

0

14

31

0

447

 

 

 

 

 

 

 

 

1.294


 

FALA POVO

Como você avalia o trânsito de Presidente Prudente?

 

Fotos: José Reis

 

Sebastião das Neves

47 anos, pedreiro

“Penso que o pior de tudo é achar vagas, até mesmo para as motos que ocupam menos lugar. Costumo passar muito tempo procurando um lugar e, mesmo assim, acabo estacionando longe”

 

Valdecir Rodrigues

55 anos, aposentado

“Acredito que é preciso investir mais na sinalização no chão nos bairros mais distantes, e na via que dá acesso ao Atacadão. Além disso, diria que o maior problema são os próprios motoristas”

 

Letícia dos Santos

21 anos, gerente de loja

“Não acho que há grandes dificuldades no trânsito da cidade. O único desafio que encontro é achar um lugar para estacionar a moto. A Zona Azul, para mim, não deveria existir, por ser um estacionamento ao ar livre e na rua”

 

Maria Alice Carvajal

64 anos, aposentada

“Acho que a falta de respeito das pessoas é o problema do trânsito. Um grande exemplo são as vagas destinadas aos idosos, mas que muitas vezes são ocupadas por pessoas que não precisam desse benefício”

 

Dirceu da Costa

54 anos, autônomo

“O horário de pico a cada dia que passa deixa o trânsito ainda mais impossível, principalmente nas avenidas que ligam a cidade, como a Manoel Goulart. Penso que seria preciso melhorar as adjacentes para distribuir o fluxo”

 

RESPEITO À VIDA

“Movimentação” é norte para melhorias no trânsito

 

Dentre as buscas por diversas alternativas que visam acabar com os gargalos de congestionamento, melhorar o fluxo, a quantidade de vagas, entre outras deficiências no trânsito, ou seja, aprimorar e garantir a segurança dos usuários de Presidente Prudente, a Semob (Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana e Cooperação em Segurança Pública) tem se baseado nas manchas de calor apontadas em estudos fornecidos pelo movimento Respeito à Vida.

Recentemente foram expandidas as áreas de Zona Azul na cidade. “Também estamos estudando a possibilidade do sistema de Zona Azul informatizado. Enfim, temos vários estudos/pesquisas em andamento com o objetivo de melhorar o trânsito em Prudente. Assim que concluirmos, divulgaremos a sociedade”, ressalta Adauto Lúcio Cardoso, titular da pasta. Ele menciona alguns dos principais desafios da Semob, em relação à grande quantidade de carros existentes na cidade, como desrespeito à sinalização existente e as leis de trânsito, de modo geral, número insuficiente de vagas ofertadas para tamanha demanda, em especial na região central, superlotação no pátio, atualmente com 1.026 motos e 752 veículos.

“Tendo em vista as melhorias de fluxo e dessas situações a mais, recentemente instalamos semáforos na Avenida Manoel Goulart, entrada do Monte Alto, e na mesma avenida com a Rua José Foz, e Rua Padre João Goetz, que estarão em funcionamento em breve. Foi feita alteração no sentido da Rua Roberto Simonsen, juntamente com o aumento de uma pista na Rua Belo Horizonte e reprogramação do semáforo localizado entre essas ruas e Avenida Manoel Goulart”, informa o secretário.

Adauto lembra que já iniciaram a implantação da central de vídeo monitoramento. As câmeras devem ser implantadas na segunda quinzena deste mês. E, em breve deve ser posto em funcionamento o controle eletrônico de velocidade. A Prefeitura divulgou os 38 pontos que receberão dispositivos eletrônicos na cidade, conforme já divulgado neste diário.

Por meio do convênio Respeito à Vida e Detran, mais duas faixas de travessia elevadas estão sendo fixadas uma na Rua Milton José Bissoli, no Parque Alvorada, em frente à Escola Municipal Pionera Ludovica Ligabo Rodrigues, e outra na Rua Juracy Bravo, Jardim Everest. Além de novos dispositivos como semáforo na Avenida da Saudade, próximo ao pontilhão da Rodovia Raposo Tavares.