José Reis - Mostras abordam a arqueologia, etnografia e paleontologia

Foto: José Reis - Mostras abordam a arqueologia, etnografia e paleontologia

ABERTAS AO PÚBLICO

Exposições resgatam cultura do folclore em Prudente

Atividades alusivas ao Dia do Folclore, comemorado nesta quinta-feira, ocorrem até sexta-feira, no Centro de Museologia Antropologia e Arqueologia da FCT/Unesp

  • 21/08/2019 06:27
  • GABRIEL BUOSI - Da Reportagem Local

O Cemaarq (Centro de Museologia Antropologia e Arqueologia) da FCT/Unesp (Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade Estadual Paulista) de Presidente Prudente realiza até sexta-feira, um evento comemorativo ao Dia do Folclore, celebrado amanhã, com três exposições e que falam sobre a arqueologia, etnografia e paleontologia. Com a agenda aberta para o público em geral, bem como escolas de ensino infantil, fundamental e médio, a iniciativa visa resgatar a cultura popular.

“São lendas, fatos, costumes e atividades que fazem parte da nossa história e precisamos fomentar cada vez mais, principalmente para as crianças e que estão tão ligadas à tecnologia nos dias de hoje”, comenta a funcionária do Cemaarq, Nikele Milani.

Sobre as exposições, a FCT/Unesp afirma que aquela ligada aos materiais indígenas constitui-se de peças de artesanato indígena contemporâneo, como armas e cestaria, instrumentos musicais como flautas, apitos, maracás, tambor, reco-reco, pulseiras, anéis, pentes, colares e cocares. Já na exposição de arqueologia, afirma que é possível encontrar peças de pedras lascadas, polidas e de cerâmicas confeccionadas por populações pré-históricas da nossa região, constituindo resultado das pesquisas arqueológicas da equipe do centro de museologia.

“Há também uma exposição de paleontologia, composta por fósseis animais e vegetais, dentre eles, crocodilianos, sáurios, quelônios, madeira fossilizada, acompanhados de painéis explicativos, contando sobre um passado remoto da vida em nosso planeta”, ressalta a unidade de ensino.

Nikele, por sua vez, lembra que a visita leva em torno de uma hora e afirma que primeiro são apresentadas as três exposições, em seguida o folclore brasileiro é abordado, com a explicação sobre os personagens e as lendas e, por fim, são realizadas brincadeiras e que resgatam a infância de décadas atrás, como pula corda, amarelinha, pião, peteca, trava-línguas, adivinhações, superstições, pinturas e ditados populares.

“Experiência única”

A Escola Professora Anna de Mello Castriani, de Regente Feijó, foi uma das que marcaram presença na semana dedicada ao folclore. Conforme a professora Magda da Silva Pereira, o grupo de 15 alunos que foi ao local pela tarde se divertiu, mas também aprendeu com a “experiência única”. “Dentro da sala de aula trabalhamos o abstrato. Aqui eles tiveram a oportunidade de conhecer a cultura, os objetos e nossa história que é muito importante”. Além disso, ela menciona a recreação, que resgatou brincadeiras que hoje em dia são “esquecidas”, mas importantes para a evolução e criação das crianças.

Serviço

O Cemaarq da FCT/Unesp fica na Rua Roberto Simonsen, 305 - Centro Educacional, em Presidente Prudente. Agendamentos podem ser feitos por meio do telefone 3229-5327. Até 23 de agosto, as visitas têm início às 8h e vão até 11h30 e das 13h30 às 16h30.

 

Fotos: José Reis

Ao término da visita, grupos são submetidos às brincadeiras

 

Magda diz que experiência complementa ensino dentro de sala