Foto: Arquivo , Evasão de pedágio é infração grave e rende multa de R$ 195,23

Infração Evasões de pedágio crescem 15,5%

 13/08/2017  - BIANCA SANTOS

A A A

Informações da Cart (Concessionária Auto Raposo Tavares), na região de Presidente Prudente, revelam o registro de 5.695 evasões de pedágio de janeiro a julho de 2017, contra 4.932 no mesmo período do ano passado, acréscimo de 15,5%.

De acordo com a Assessoria de Imprensa da concessionária, a Cart trabalha em parceria com a Polícia Militar Rodoviária, que mantém o monitoramento constante por meio de câmeras instaladas nas praças de pedágio e também de forma presencial para coibir tal infração. “Com as imagens, é possível que o policial aplique as punições previstas no Código Brasileiro de Trânsito. A evasão do pedágio é uma infração grave, rende multa de R$ 195,23 e perda de cinco pontos na carteira de habilitação, além de expor colaboradores que trabalham na praça a atropelamentos graves”, afirma.

Por sua vez, o 2º Batalhão de Polícia Militar Rodoviária expõe que o motivo de maior incidência alegado pelos condutores que evadem os pedágios está a falta de dinheiro no momento do pagamento. “Quando observar que está sem o dinheiro para quitar a tarifa deve-se entrar em contato com a concessionária que administra a rodovia, a Cart, através de um dos seus colaboradores para verificar outras formas de pagamento”, explica.

As praças de pedágio sob responsabilidade da 2ª Companhia de Policiamento Rodoviário de Presidente Prudente compreende Rancharia (Km 512), Regente Feijó (Km 541), Presidente Bernardes (Km 590) e Caiuá (Km 639).

 

Comentário