Estudantes fazem plantio de 200 mudas em Tarabai

Iniciativa integra projeto de educação ambiental, aplicado desde 2016 a alunos, professores e trabalhadores agrícolas

BEATRIZ DUARTE • 28/02/2018 14:26:24

. Foto: Cedida, Estudantes participaram ontem de curso sobre água, solo e mata

Com intuito de promover a conscientização ambiental, foi realizado ontem, em Tarabai, o projeto Capacitação e Treinamento para Preservação e Gestão dos Recursos Hídricos, uma parceria entre a Pontal Flora com o Comitê de Bacia Hidrográfica do Pontal do Paranapanema, Fehidro e do governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria de Saneamento e Recursos Hídricos. A Prefeitura aderiu à ação, através do setor de meio ambiente, Ascot (Associação dos Usuários do Centro Comunitário Urbano de Tarabai) e duas escolas do município. Durante o evento, que reuniu cerca de 600 pessoas, entre elas estudantes, produtores agrícolas e operadores de máquinas, foi realizado o plantio de 200 mudas de árvores.

De acordo com a bióloga Rosimeire Aparecida da Costa, coordenadora do projeto, a capacitação teve duração de dois anos, com início em 2016 e término previsto para abril, contemplando 26 municípios da região e sendo executado pela primeira vez em Tarabai. O intuito é incentivar a recuperação de matas ciliares, promover ações de conservação ambiental, proteção da biodiversidade, recuperação de áreas degradadas e reflorestamento de APP (Áreas de Proteção Permanente) para preservação dos recursos hídricos municipais, bem como a educação ambiental.

 

É importante o impacto porque gera conscientização e orientação para todas as pessoas que possuem algum contato com a natureza

Rosimeire Aparecida da Costa,

bióloga e coordenadora do projeto

 

Com foco na conscientização, foi ministrado ontem um curso sobre a água, solo e mata, com todo o conteúdo aplicado para a preservação dos recursos hídricos a docentes de duas instituições da cidade - Escola Estadual Deputado Felício Tarabay e Escola Municipal Professora Jorgina de Alencar Lima -, produtores de agricultura e operadores de máquina. Após a orientação, os professores repassaram o conhecimento para os alunos. A ação final da atividade envolveu o plantio simbólico de 200 mudas de árvore em uma área particular.

A responsável ressaltou que a equipe estuda a possível realização de uma segunda fase do projeto, com o objetivo de conseguir capacitar mais pessoas, além de educadores e trabalhadores rurais. No primeiro momento, participaram seis pessoas de cada segmento. “É importante o impacto porque gera conscientização e orientação para todas as pessoas que possuem algum contato com a natureza”, diz.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste