Escoteiros são homenageados com exposição

Variedades

| ALINE MARTINS - Da Redação

A Secretaria Municipal de Cultura convida a população para visitar a exposição em homenagem ao Dia Nacional (23 de abril) e Municipal do Escoteiro, realizada no Museu e Arquivo Histórico Prefeito Antônio Sandoval Netto, em parceria com o Grupo de Escoteiros Guayporé. A mostra “Escoteiros no Museu” segue até dia 27 de abril. A visita pode ser feita entre 8h e 12h e 13h e 17h.

Por conta da data, a pasta municipal, junto com os grupos de escoteiros de Prudente, realiza ações que normalmente ocorriam em sua sede, e convidam as crianças da cidade de Presidente Prudente e região a participarem. Esta será no sábado, dia 28 de abril, das 14h às 16h30.

Conforme Erenita dos Santos Ferreira Lima, comissária distrital do 30º Distrito Presidente Prudente, na região há o 30º Distrito Escoteiro Presidente Prudente que coordena nove grupos escoteiros das cidades de Primavera (Guará Mirim) Presidente Epitácio (GEMar. Epitácio Pessoa) Santo Anastácio (Caiuá) Álvares Machado (Pinherama) Adamantina (Caburé) Cândido Mota (Chefe Gumercindo Nogueira) e Presidente Prudente com três grupos (Guayporé, Monte Carmelo e Nelson Mandela).  Para comemorar o “Dia do Escoteiro” foi realizado o acampamento distrital em Primavera nos dias 21 e 22 de abril, onde diversos grupos escoteiros do 30º Distrito Escoteiro Presidente Prudente e de outras regiões participaram.

 

A data

No dia 23 de abril, comemora-se o Dia do Escoteiro em boa parte do mundo. A data foi escolhida pelo fundador do Movimento Escoteiro, Robert Baden-Powell, por ser o mesmo dia em que se celebra o Dia de São Jorge, patrono do Escotismo.  Na época, em 1910, era comum a escolha de santos como patronos. Hoje em dia, mesmo sem o caráter de “santo”, Jorge da Capadócia continua sendo referência para os escoteiros.

O escotismo foi fundado em 1907, na Inglaterra, por Baden-Powell. É um movimento educacional de jovens que conta com a colaboração de adultos, valoriza a participação de todas as origens sociais, raças e credos e se configura como a maior organização mundial de voluntariado em prol da educação. Sua principal característica é se tratar de um movimento que envolve as famílias em seu dia a dia. Aqui os “Escoteiros do Brasil” criado em 1924, é uma associação sem fins lucrativos que desenvolve trabalhos de educação continuada de crianças e jovens, valorizando o equilíbrio ambiental e o desenvolvimento social na formação de cidadãos conscientes e atuantes. Unidos a um movimento com cerca de 40 milhões de pessoas no mundo, em mais de 216 países e territórios, a organização é reconhecida como de utilidade pública por meio do Decreto Federal 3.297/17 e como instituição de educação extra escolar pela Lei 8.828/46.

 

 

Comente com o editor

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste