Oportunidade

Encontro em Prudente reúne autoridades e lideranças

Mesmo sem investimentos discutidos ou anunciados, pasta de Desenvolvimento Regional ouviu demandas, como a do aeroporto local

  • 30/01/2019 07:19
  • GABRIEL BUOSI - Da Redação

O secretário de Desenvolvimento Regional do Estado de São Paulo, Marco Vinholi, se reuniu em um evento não oficial da pasta com autoridades e lideranças do oeste paulista, no sábado, quando teve a oportunidade de ouvir representantes da sociedade, na sede da 29ª Subseção da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), em Presidente Prudente. Mesmo sem nenhum investimento discutido ou anunciado, a assessoria da pasta lembra que algumas reivindicações foram ouvidas, como é o caso do aeroporto estadual da cidade.

O deputado Mauro Bragato (PSDB) foi o responsável por organizar o encontro, que contou com a presença de aproximadamente 350 pessoas, representando 50 municípios do Pontal do Paranapanema e da Alta Paulista, entre prefeitos, vices, ex-prefeitos, vereadores, dirigentes partidários e lideranças regionais, conforme a assessoria de Bragato.

A Prefeitura de Presidente Prudente foi uma das presentes, quando, no entanto, o prefeito Nelson Roberto Bugalho (PTB) reivindicou, conforme sua assessoria, uma “atenção especial” ao aeroporto da cidade, já que houve recentemente o anúncio de terceirização do sistema aeroportuário paulista, como noticiado por este diário. “O aeroporto é referência para todo o oeste paulista, com população estimada em mais de um milhão de pessoas, e que tem apresentado alta demanda de passageiros e cargas por conta dos segmentos de negócio, educação, saúde, turismo e carga, que requerem investimentos em sua ampliação, bem como melhorias e requalificação das atuais instalações”.  

Ao ser questionada, a pasta de Desenvolvimento Regional do Estado lembrou que o evento não era oficial da secretaria e disse que a atual gestão do governo de São Paulo trabalha progressivamente” para conceder serviços e empresas, trazendo maior eficiência e qualidade, que incluem os aeródromos. “O aeroporto de Presidente Prudente é visto com viabilidade para concessão e existe prioridade para aeroportos administrados pelo Daesp [Departamento Aeroviário do Estado de São Paulo], assim como diminuir a carga tributária para dar sustentabilidade às concessões”.