Rede pública Dez escolas recebem Teatro Essencial Comunitário

 08/08/2017  - OSLAINE SILVA

A A A

Originalmente intitulado Teatro Essencial Comunitário nas escolas, ocorrendo de julho a novembro, o projeto prevê a contratação de cinco companhias de teatro para a realização de oficinas dentro das escolas da Rede Pública Estadual, para interessados com pouca ou nenhuma experiência teatral. Cada companhia fica responsável por atender duas escolas com aulas semanais totalizando 100 horas/aula. O resultado do trabalho poderá ser conferido de 3 a 9 de novembro, na Mostra de Teatro Infantil que irá anteceder o Fentepp (Festival Nacional de Teatro de Presidente Prudente).

O assessor da Secult (Secretaria Municipal de Cultura) Denilson Biguete, que também é ator, produtor e diretor de teatro, explica que esse projeto tem o objetivo de ampliar o acesso à linguagem teatral. E acredita-se que a escola é o grande celeiro da descoberta de novos valores, novos talentos. Além de ser um espaço propício ao fomento das artes em geral. As escolas possuem uma estrutura física boa, conta com a parceria dos professores e tem o público, que são os alunos.

“E se temos a possibilidade de fazer uma parceria com as companhias teatrais da cidade, que têm o conhecimento e proporcionar este conhecimento aos alunos isso é maravilhoso. Não temos a pretensão de formar atores, até porque o tempo é curto, mas podemos fomentar, estimular o teatro nesses estudantes. E é claro que o resultado é muito instigante porque se no projeto prevê apresentação aberta dos resultados desses trabalhos isso estimula muito”, ressalta Denilson.

O produtor cultural acrescenta que o projeto pretende ampliar o número de atores na cidade, aumentar o desejo pela linguagem, formar público, pois mesmo que eles não se tornem atores se tornam expectadores de teatro.

“Nesse momento queremos ocupar esses espaços escolares e a Mostra de Teatro vai resgatar uma tradição antiga da cidade que já teve grandes mostras de teatro estudantil até com a participação de Timochenco Webbi... Será o start para o Fentepp com os atores da cidade”, destaca o diretor teatral.

 

Escolas e Companhias responsáveis

1- E.E Profª.Anna Antônio

Direção: Nádia/Daniel/Ana Paula ou profª.. coordenadora Maria Nilcéia

Cia de Teatro Garimparisos

Responsável - Hannael Mendes

 

2. E.E Dr. José Foz

Direção: Regina/Mariana ou profª. coordenadora Rosângela

Cia de Teatro Arco Iris

Responsável – Silvio Moreira de Souza e Juliana Negrão

 

3. E.E Francisco Pessoa

Direção: André/Ronaldo/ Jamile ou profª.. Coordenadora Lourdes

Cia de Teatro Arco Iris

Responsável – Silvio Moreira de Souza e Juliana Negrão

 

4. E.E. Profª Fátima Aparecida Falcon

Direção: Sueli ou Prof. Coordenador José Leandro

Cia de Teatro Garimparisos

Responsável - Hannael Mendes

 

5. E.E Profª Mª Luiza Bastos

Direção: Dalva/Simone ou profª.. coordenadora Silvana

Cia de Teatro Andréia Previtali

Responsável - Andréia Previtali

 

6. E.E.Pastor João Carlos Padilha de Siqueira

Direção:Carlos ou Profª. Coordenadora Vivian

Stásis Cia de Teatro

Responsáveis – Gisele Galindo e Gabriela Cano

 

7. E.E.Profª. Clotilde Veiga de Barros

Direção: Nanete/Regiane ou Profª. Coordenadora Vânia

Stásis Cia de Teatro

Responsáveis – Gisele Galindo e Gabriela Cano

 

8. E.E. Teófilo Gonzaga da Santa Cruz

Direção: Gilda ou Profª. Coordenadora Juliana

Cia de Teatro Andréia Previtali

Responsável - Andréia Previtali

 

9. E.E. Prof. Placídio Braga Nogueira

Direção: Antônia/Valéria/Carlos ou Profª. Coordenadora Adriana

Cia Menades & Sátiros

Responsável – Cida Camargo

 

10. E.E.Prof.Oracy Matricardi

Habitacional Ana Jacinta

Direção: Marta/Aline ou Profª. Coordenadora Regiane

Cia Menades & Sátiros

Responsável – Cida Camargo

Comentário