“DE SURPRESA”

Criminosos rendem mulher e levam carro em Teodoro Sampaio

Ação da Polícia Militar resultou na prisão de dois indivíduos, que fugiam com o carro da vítima pela Rodovia Arlindo Bettio (SP-613)

  • 15/05/2019 17:15
  • ROBERTO KAWASAKI - Da Redação

Dois homens foram presos depois de roubarem um carro na área central de Teodoro Sampaio, na terça-feira. Conforme a Polícia Civil, o veículo havia sido levado de dentro de uma residência, quando a proprietária foi imobilizada pelos criminosos. A ação da Polícia Civil resultou na localização da dupla que fugia pela Rodovia Arlindo Bettio (SP-613).

A vítima de 47 anos tinha acabado de entrar na residência, quando notou que dois homens estavam dentro do imóvel. Antes que pudesse correr, foi imobilizada e ficou junto com a dupla. De acordo com o delegado de Polícia Civil, João Paulo Tardin, os criminosos não estavam armados. “Disseram que não tinham a intenção de fazer nada com ela, e que queriam apenas a chave do carro e dinheiro. Naquele momento, ela afirmou que não tinha a quantia ou o carro”, explica Tardin.

No entanto, os bandidos constataram que a mulher possuía um Fiat/Pálio e ordenaram para que entregasse as chaves. Mesmo com a recusa da vítima, um dos assaltantes a segurou pelo pescoço, em golpe do tipo gravata, e a conduziu pela residência até a mulher apontar o local onde estava a chave. Conforme o delegado, a vítima não ficou ferida.

Pedido de socorro

Depois de pegarem as chaves, os indivíduos conduziram a vítima ao banheiro e a trancaram. Enquanto esteve dentro do cômodo, os assaltantes saíram da residência, abriram o Fiat/Pálio e conseguiram fugir com o veículo. Conforme análise do delegado, as casas da vizinhança ficam bem próximas, o que facilitou com que uma testemunha ouvisse o pedido de socorro. “Ela gritou, então, a vizinha e a cunhada conseguiram ouvir e acionaram a Polícia Militar”.

Segundo a Polícia Civil, uma equipe militar que fazia patrulhamento pela Rodovia Arlindo Bettio (SP-613) foi informada da ocorrência e avistou o veículo com os criminosos pelas imediações. Diante da suspeita, efetuaram manobra de retorno e fizeram breve acompanhamento da dupla. Logo que notaram a presença dos policiais, pararam o carro, desceram e deitaram no chão.

Os acusados, de 19 e 22 anos, foram conduzidos ao plantão da Polícia Civil. No local, informaram que são moradores de Rosana e que praticaram o roubo para “levantar dinheiro”. Eles prestaram depoimento e foram conduzidos ao CDP (Centro de Detenção Provisório) de Caiuá.