É CAMPEÃO!

Corinthians PP conquista título da Taça Paulista 2018

Com um placar de 2 a 0 em cima do Montealtense, time prudentino vence a disputa com gols do segundo tempo

IZABELLY FERNANDES - Especial para O Imparcial • 11/12/2018 05:09:00

Foto: Divulgação/Corinthians PP - Partida decisiva foi disputada contra o Montealtense, na manhã de domingo, no Prudentão

O clima de decisão neste domingo foi movido a sol, calor e ansiedade. A bola rolou nos gramados do Estádio Paulo Constantino, Prudentão, e o Corinthians PP levou a melhor na disputa contra o Montealtense. Com um placar de 2 a 0, o time prudentino se sagrou o novo campeão da Taça Paulista 2018, com dois gols no segundo tempo, anotados pelo centroavante Gustavo Reinert Nicoletti e pelo lateral-direito Matheus da Silva Vital.

Após a conquista, o presidente do clube, Pérsio Menezes, afirma que os objetivos para o ano que vem são fazer com que o alvinegro conquiste títulos com ainda mais visibilidade e credibilidade. “Pretendemos integrar a FPF [Federação Paulista de Futebol], sem largar a Liga de Futebol Nacional do Brasil, mas com o objetivo de dar um ar mais profissional a equipe”, relata.

O técnico da equipe, Bruno Monteiro, conta que o jogo teve um desempenho abaixo do normal por parte dos jogadores no primeiro tempo. “Tivemos um baixo nível de concentração, devido a várias circunstâncias, como os últimos impasses sofridos pelo clube”, cita. No entanto, no segundo tempo ele fala que a equipe conseguiu se recuperar e fazer os gols decisivos. “Voltamos com outra postura, acreditando que o resultado iria acontecer de qualquer forma, independente de termos sido condicionados por um adversário despretensioso”, explica,

O centroavante Gustavo Reinert Nicoletti, 20 anos, fez o primeiro gol da partida. “Depois de voltar do intervalo com as orientações do nosso treinador, nosso meio campo começou a trabalhar bem a bola, fazendo ela chegar com mais qualidade no ataque”, afirma. Ele conta que depois que o time conseguiu se reerguer, ele pode contribuir para a vitória. “Fui bem acionado no segundo tempo e fui feliz na conclusão de um cabeceio ajudando nossa equipe”, relata. Vindo da cidade de Gaspar, Santa Catarina, Gustavo diz que o título é muito importante para a carreira. “Por ser o meu primeiro título profissional, me dá muita força para seguir nessa caminhada”, afirma.

Satisfação

Responsável pelo segundo gol da partida, o lateral-direito Matheus da Silva Vital, 24 anos, ressalta que contribuir para a conquista do campeonato favoreceu a vontade seguir na carreira. “Me sinto satisfeito de ter contribuído para o time ter conseguido se consagrar campeão. Além disso, eu poderei contar para meus filhos todas essas conquistas”, expõe.

O técnico fala que o time foi campeão do torneio de forma incontestável. “Nós tivemos o maior número de vitórias, fomos a equipe que menos perdeu, com maior número de gols a favor e menor número de gols contra, tivemos o melhor goleiro, ficamos os sete dos 12 jogos sem sofrer gol. Os número provam!”, relata. Pérsio afirma que uma vitória como essa serve como impulso para continuar os trabalhos. “Mesmo diante das dificuldades, conseguimos coroar essa vitória e isso dá um gás para a gente continuar”, conclui.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste