Copa tem nova data e cidade

CICLISMO Competição tinha Prudente como sede, mas precisou ser remarcada; Araçatuba recebe evento

GABRIEL BUOSI • 03/06/2018 01:10:36

Estava prevista para ocorrer hoje, em Presidente Prudente, a 5ª etapa da Copa Regional de Ciclismo, que está dentro do cronograma da Federação Paulista de Ciclismo, mas precisou ser cancelada como um reflexo das paralisações dos caminhoneiros que também apresentaram pontos de manifestações no oeste paulista. Com isso, a organização adiou o evento, que ocorre no dia 17, e também traz uma alteração na cidade, que passa a ser Araçatuba. Tantos os responsáveis quanto os competidores encaram a notícia como um desafio, visto que o circuito da região noroeste paulista contará com duas horas a mais de prova e trechos com subidas expressivas.

A concentração em Araçatuba será às 8h, no dia 17, e as largadas ocorrem a partir das 9h. O local para a realização do esporte será no Bairro Água Limpa, e contará com troféus para os cinco primeiros colocados. Vale lembrar que as categorias Elite e Sênior percorrerão 100 km, e as demais abaixo de 70 km. As inscrições custam R$ 40 ou R$ 30 para a categoria infantil ou infanto.

Segundo o organizador da copa, Isael Caetano, conhecido como Alemão, a estratégia de mudança de cidade se deu por causa da paralisação dos caminhoneiros, encerrada na última semana e a expectativa para o novo local é boa. “Não sabíamos se amanhã [hoje] a região estaria tranquila em relação aos manifestos, por isso passamos para o dia 17 e em uma nova cidade. Acreditamos que teremos um público muito bom, pois Araçatuba é o centro do ciclismo da região noroeste”, afirma. Conforme Alemão, o circuito enfrentado será “diferenciado”, com muitas subidas e com demanda de resistência, além de um tempo maior de prova, que passará de 1h em Prudente para 3h em Araçatuba.

O técnico da Escola de Ciclismo Nelson Ricardo Cardoso Pelozi/Boscoli Competições, Éber de Almeida Boscoli, de Prudente, enviará pelo menos quatro meninos com idades abaixo de 14 para a competição, sendo que as preparações para o circuito já ocorrem. “Ainda não fizemos a seletiva, mas faremos em breve para decidir quem participará. Nosso foco nesta preparação é a resistência dos meninos, e sabemos que é um percurso de muitas subidas e curvas”, expõe. Sobre a mudança, o técnico vê como um desafio, já que em casa o grupo teria ainda mais condições de colocar todas as crianças nas ruas para a competição, já que para se deslocar à região noroeste, uma seleção precisará ser feita.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste