Clubes e serviços têm atividades suspensas

Em Presidente Prudente, as unidades do Sesc Thermas, Tênis Clube e Apea adotaram medidas de prevenção contra coronavírus para seus colaboradores, sócios e atletas

  • 19/03/2020 05:55
  • WEVERSON NASCIMENTO - Da Redação

Considerando a pandemia declarada pela OMS (Organização Mundial de Saúde), o Decreto 64.826 emitido pelo governo do Estado, bem como o Decreto Municipal 30.731/2020, que dispõe sobre a adoção de medidas temporárias e emergenciais, para a prevenção do Covid-19, alguns clubes e serviços prudentinos suspenderam suas atividades por tempo indeterminado. No município, as unidades do Sesc Thermas, Tênis Clube e Apea (Associação Prudentina de Esportes Atléticos), adotaram medidas de prevenção contra coronavírus, para seus colaboradores, sócios e atletas.

O Sesc Thermas de Presidente Prudente permanecerá fechado inicialmente de 17 a 31 de março. A medida foi adotada para prevenir riscos de transmissão direta do coronavírus. Diante disso, toda a programação e prestação de serviços estarão suspensas neste período. Os valores de ingressos, cursos e excursões serão ressarcidos. A unidade informa ainda que as vagas de todos os cursos e tratamentos odontológicos serão mantidas. 

Visando garantir o bem-estar e a segurança de seus colaboradores e sócios, a Diretoria do Tênis Clube de Presidente Prudente, decidiu em conjunto com o Conselho Deliberativo, suspender suas atividades e funcionamento do clube de 20 a 30 de março. O prazo pode ser revisto, sendo prorrogado ou antecipado, dependendo do cenário da pandemia no país, bem como surgirem novas orientações das autoridades sanitárias de saúde. Nesse período, apenas as áreas essenciais à manutenção e funcionamento do clube continuarão em atividade. Assim, orienta a todos associados, funcionários e atletas, se possível, a ficarem em casa, evitando qualquer tipo de aglomeração.

A Diretoria Executiva da Apea (Associação Prudentina de Esportes Atléticos), também decidiu pela suspensão das atividades sociais e esportivas no período de 20 a 31 de março, sendo que após este período, a volta das atividades será reavaliada de acordo com a situação regional. A Diretoria Executiva conta com a compreensão e apoio de todos os sócios e solicita que estes tenham a consciência de se resguardar em seus lares, evitando reuniões sociais e locais de aglomeração.