Sexta-Feira . 22 Fevereiro . 2019
Empresário

Cláudio Muchiutt é cremado em Maringá

“A família tem uma grande importância no desenvolvimento empresarial e econômico do município, o que não foi diferente na figura dele”, diz Ricardo, da Acipp

06/02/2019 05:13 • THIAGO MORELLO - Da Redação
Arquivo - Cláudio se dedicava à prática de tênis de quadra - um de seus hobbies Arquivo - Cláudio se dedicava à prática de tênis de quadra - um de seus hobbies

O corpo do empresário Cláudio Roberto de Oliveira Muchiutt será velado hoje no crematório de Maringá (PR). O prudentino faleceu na segunda-feira, aos 73 anos. Ao longo do dia de ontem, familiares e amigos puderam se despedir do ente, velado na casa de velório Athia, em Presidente Prudente. O motivo do óbito não foi informado.

Cláudio era proprietário de uma loja de peças automotivas na cidade. Ligação comercial essa que tem relação direta com a família Muchiutt, lembrada pelo presidente a Acipp (Associação Comercial e Empresarial de Presidente Prudente), Ricardo Anderson Ribeiro. “A família tem uma grande importância no desenvolvimento empresarial e econômico do município, o que não foi diferente na figura do Cláudio”, pontua.

Em nome do setor comercial, Ricardo se despediu do amigo, mas lembrou do papel dele para a categoria, “de destaque”, sendo até mesmo reconhecido e homenageado “diversas vezes” pelo trabalhado realizado em Prudente. “É uma perda muito significativa, de uma pessoa jovem, que estava na ativa e em comunhão com vários trabalhos”, lamenta.

Além da atividade empresarial, Cláudio desenvolvia trabalhos junto à Paróquia Nossa Senhora do Carmo - Igreja Maristela. À reportagem, amigos e familiares ainda destacaram a vitalidade em que se encontrava o empresário, que também se dedicava à prática de tênis de quadra, tido como um dos seus hobbies favoritos. Cláudio deixou esposa, filhos e netos.