Reciclagem

Ciop recebe R$ 1,7 mi para adquirir usina móvel

THIAGO MORELLO - Da Redação • 12/01/2018 12:19:23

Em meio ao imbróglio do descarte de resíduos da construção civil, o Ciop (Consórcio Intermunicipal do Oeste Paulista) assinou um contrato com a CEF (Caixa Econômica Federal), que vai beneficiar as 20 cidades consorciadas, inclusive Presidente Prudente. O consórcio fechou a liberação de R$ 1.772.000,00, com a instituição bancária, para a aquisição de equipamentos para implantação de usina móvel de reciclagem de resíduos da construção civil. Do valor, R$ 1.770.000,00 são de repasses provenientes do acordo judicial com a Cesp (Companhia Energética do Estado de São Paulo) e R$ 2 mil de contrapartida do consórcio.

E uma vez o acordo fechado, segundo o presidente do Ciop, prefeito de Teodoro Sampaio, Ailton César Herling (PSB), a próxima etapa é iniciar a licitação para compra dos equipamentos. “Com isso feito, a ideia é começar a operacionalização desse sistema ainda esse ano, em um prazo máximo de três ou quatro meses”, completa.

Em prática, a usina móvel contemplará 20 municípios consorciados. Contudo, o presidente explica que o procedimento agora, por contrapartidas dessas cidades, é conseguir uma área para a destinação correta e depósito dos materiais da construção civil. “Este espaço também será usado pelo veículo, que é como uma carreta. Ela vai britar esses materiais, para que eles possam ser reutilizados nos próprios municípios”, enfatiza.

Ainda de acordo com Herling, a participação dos municípios é facultativa. “No que diz respeito à montagem e aquisição desses equipamentos, as cidades não terão de contribuir financeiramente. Isso só será feito, posteriormente, para a operacionalização, através de um rateio”, finaliza.

Estilo do Site
  • Luz
  • Alto Contraste