Gabriel Buosi - Bombeiros estiveram no local para a retirada da estrutura metálica da via

Foto: Gabriel Buosi - Bombeiros estiveram no local para a retirada da estrutura metálica da via

Chuva causa prejuízos em Prudente

Estrutura que cobria loja de decorações domésticas na Avenida da Saudade foi arrancada por volta das 16h de ontem e levada para a rua na lateral do estabelecimento, na Rua Iperoig

  • 22/11/2019 06:37
  • GABRIEL BUOSI - Da Reportagem Local

A chuva passou pela região de Presidente Prudente na tarde de ontem e, mais uma vez, trouxe alguns transtornos por causa, principalmente, dos fortes ventos. A estrutura que cobria uma loja de decorações domésticas na Avenida da Saudade, por exemplo, foi arrancada por volta das 16h e levada para a rua na lateral do estabelecimento, causando estragos em telhados e fiações da Rua Iperoig, que fica na Vila Mathilde Vieira.

A reportagem foi ao local e encontrou o trânsito paralisado na via em questão e equipes do Corpo de Bombeiros retirando a estrutura metálica. A casa do contador de 59 anos, Doniseti da Silva Alves, foi uma das que foram atingidas com a cobertura da loja e teve transtornos, como destelhamento. Para o morador, não é possível apontar culpados, já que a chuva é “obra da natureza”. “Ainda bem que eu não estava em casa, cheguei e já vi o estrago. Agora é correr atrás do prejuízo”.

No local, conforme a Energisa Sul-Sudeste, a falta de energia ocorreu entre 15h55 e 17h55, atingindo aproximadamente 140 clientes. Além desta ocorrência, a companhia apontou uma falta de energia na área central de Prudente, na Rua Siqueira Campos, entre as avenidas Manoel Goulart e Washington Luiz, por volta das 15h45. “Foi ocasionada pela queda de um galho de árvore sobre a rede elétrica que abastece esses locais durante a forte ventania que passou por alguns pontos da cidade”.

Técnicos da empresa foram acionados, e após manobras no sistema elétrico, por volta das 16h37, 772 clientes tiveram o fornecimento regularizado. Às 16h41, o fornecimento foi normalizado para os 17 clientes restantes. “A empresa lamenta pelos transtornos e conta com a compreensão de todos”.