Foto: Cedida - Na semana passada turminha foi bicampeã da Copa Prudente de Caratê

Foto: Foto: Cedida - Na semana passada turminha foi bicampeã da Copa Prudente de Caratê

ARTES MARCIAIS

Caratê estreia nos Jogos Estudantis, em Dracena

19 cidades foram inscritas na categoria feminina e 22 no masculino. “Está todo mundo no escuro. Pelo que vi será um mini paulista”, diz técnico prudentino, Xandão

  • 29/09/2019 06:00
  • OSLAINE SILVA - Da Redação

Pela primeira vez o caratê entra no cronograma dos Jogos Estudantis do Estado de São Paulo, desta vez sendo realizado desde sexta-feira em Dracena, até o dia 5 de outubro. E a equipe da Semepp/SAS/Projeto Aquarela de Presidente Prudente estreia nesta 2ª edição, amanhã com o congresso e pesagem. Na terça e quarta serão realizadas as lutas. O técnico Alexandre Arantes Vieira Serra, o Xãndão, diz que não dá para ter muitas expectativas porque a modalidade é novidade no evento que tem 19 cidades inscritas na categoria feminina e 22 no masculino.

“Está todo mundo no escuro [risos]. Pelo que eu vi será um mini paulista. Mas a expectativa é chegar e fazer um bom papel. E logo depois, na semana seguinte estaremos nas finais do Brasileiro, em Uberlândia [MG] de 8 a 13”, expõe Xandão.

Segundo o técnico, no feminino estarão quatro atletas: até 50 kg (quilos) Lara Flávia Gomes; até 57 kg, Ana Júlia Caldeira; acima de 57, Jeniffer Renata, e no absoluto Joyce Rodrigues. No masculino: Robert Gabriel da Silva, até 55 kg; Guilherme Soares, até 60; Victor Hugo de Jesus até 65 kg, e Matheus Nonato acima de 65.

Na semana passada a equipe composta por 40 alunos da escolinha de caratê da Semepp e do projeto Aquarela foi campeã da Copa Prudente de Caratê realizada no Ginásio da Apea (Associação Prudentina de Esportes Atléticos) ficando com o bicampeonato do evento. No total foram 25 medalhas de ouro, 15 de prata e 18 de bronze.

“Os resultados foram satisfatórios. O evento estimula muito os alunos que estão começando a gostar da modalidade na forma de competição. E serviu como preparação para os atletas que competirão em Dracena e depois em Uberlândia”, ressalta Xandão.

Foto: Cedida Ao todo equipe conquistou 25 medalhas de ouro, 15 de prata e 18 de bronze