BOM DESEMPENHO

Atletas de badminton fazem bonito em Etapa Estadual

12/03/2019 07:00 • Da Redação

Os três atletas da equipe de Badminton de Presidente Prudente, a Adoar/Semepp, conquistaram quatro medalhas na 1ª Etapa Estadual da Febasp (Federação de Badminton de São Paulo). Participaram da competição, no sábado e domingo em São Bernardo do Campo, Enzo Anzai, Pedro Henrique Oliveira dos Santos e Fernando Junior de Souza Ferrer Silva.

O esportista Enzo disputou a categoria Simples A e conquistou a medalha de bronze e ouro na categoria dupla masculina A, juntamente com Marcus Oliani, de São Bernardo do Campo. Já Pedro Santos jogou a Simples B e ficou com bronze. Na dupla mista, ele e sua parceira, Maria Fernanda Oliveira, não conseguiram vencer a primeira partida, apesar de terem jogado em bom nível técnico. O atleta Fernando Júnior Silva, na disputa em dupla masculina Sub13 com Gabriel Henrique Faria, do Sesi de São José do Rio Preto, conquistaram as primeiras medalhas de bronze.

Segundo o coordenador da equipe, Edmilson Anzai, a expectativa era ver o desempenho de Fernando Junior Silva, revelação da Escolinha de Badminton. O atleta, de apenas 11 anos, conquistou a primeira medalha de bronze no primeiro torneio estadual, “e só não conseguiu progredir na competição individual por falta de controle psicológico”.

Após o término do estadual, a equipe prudentina volta ao treinamento visando a participação dos atletas Enzo Anzai e Pedro Henrique Santos no 1º Brasil Internacional Junior de Badminton.

Agora, os atletas farão sessões de treinamento funcional na Academia S4 para melhorarem o condicionamento físico, e no Ginásio de Esportes Marcelo Siqueira, na Vila Iti, sob a responsabilidade técnica do professor Alisson Freitas. O treinamento técnico específico será para melhorara das falhas observadas no último torneio estadual.

O torneio Brasil Internacional será de 28 a 31 de março, em Americana. “Será uma grande oportunidade para os atletas prudentinos fazerem suas estreias no circuito internacional da modalidade, já que a competição dará os primeiros pontos no ranking mundial da BWF [Federação Mundial de Badminton]”, pontua Edmilson Anzai, coordenador da equipe.

Com Secom - Colaboração – Marcos Chicalé