Cedidas/ Nathalia Takenobu: Última edição do Bloco Agrada Gregos reuniu aproximadamente 700 mil pessoas

Foto: Cedidas/ Nathalia Takenobu: Última edição do Bloco Agrada Gregos reuniu aproximadamente 700 mil pessoas

Arrastando multidões na capital

Nathalia Takenobu tem o Bloco Agrada Gregos como um dos projetos que fizeram a diferença na carreira dela como DJ e produtora; a última edição reuniu 700 mil pessoas

  • 22/03/2020 07:14
  • GABRIEL BUOSI - Da Redação

Ela tem 34 anos, nasceu na capital paulista e foi ainda criança que se mudou para Presidente Venceslau, local em que passou 15 anos da sua vida. Nathalia Takenobu é publicitária por formação, mas empreendedora de coração, e tem ganhado cada vez mais espaço por seu trabalho e projetos em que faz parte. Um deles é o Bloco Agrada Gregos, na capital paulista, que reuniu aproximadamente 700 mil pessoas na última edição, com a reunião de artistas renomados e que conseguem garantir a diversão do público que procura por uma boa folia.

 “Quando eu era criança, queria ser dentista, pois era apaixonada pela minha dentista de Venceslau, a Tia Aimara. Ainda bem que isso passou, porque com certeza sou de humanas e não biológicas”, comenta Nathalia. O futuro, de fato, guardou para ela outros planos, que tiveram início ainda quando a jovem, aos 16 anos, se mudou para Presidente Prudente na tentativa de que, conforme vontade dos pais, ela se acostumasse em “estar fora de casa”. “Foi um momento superimportante, pois até então eu era muito apegada a eles”.

Ao terminar o 3º ano do ensino médio, ela se mudou para a capital paulista, quando cursou Publicidade e Propaganda na ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing). Depois de trabalhar por sete anos na área, Nathalia comenta que se sentiu “seduzida” pela ideia de ter o próprio negócio, momento em que se envolveu no mundo dos eventos como DJ e produtora. “Em 2015 veio a ideia de fazer bloco de carnaval. Eu tinha passado os últimos seis carnavais no Rio de Janeiro, era divertido, mas tinha a sensação de que poderia ser melhor”, aponta. A partir de então, e de ficar em São Paulo e participar de um bloco, foi que ela afirma ter ficado muito claro: “eu tinha que fazer o meu bloco”.

O INÍCIO DA IDEIA QUE ARRASTA MULTIDÕES
Com isso, o Bloco Agrada Gregos nasceu em 2015 e cresceu muito rápido. O que para ela era pra ser apenas uma coisa divertida direcionada ao público LGBT, ganhou proporções enormes, impactando vidas e atraindo público de todo o país. “A magia de fazer eventos é justamente o fato de que nada sai como o esperado e às vezes isso é bom. Tenho sócios e uma equipe maravilhosa que estão 100% focados em fazer com que a experiência do folião seja a melhor possível”. Para Nathalia, essa é uma das características que fazem o bloco crescer mais e mais a cada ano.

Entre as metas futuras da profissional estão: fazer os blocos cada vez maiores, e melhores; levar sua festa para outros estados e países; gerar empregos e dar oportunidades para o público LGBT, mulheres e negros; e tentar, aos poucos, fazer a diferença no mundo, sem deixar de lado sua essência, que hoje vem do oeste paulista, que ela considera o lugar que contém “sua vida, e seu lar”, e aonde ela costuma ir para recarregar as energias. “Me considero muito ambiciosa, mas também acho essencial não se perder. É não perder nossos valores pessoais perante as pressões profissionais”.

SAIBA MAIS
Atrações da última edição do “Bloco Agrada Gregos”, em São Paulo.
- Gretchen
- Mateus Carrilho
- Pepita
- Lorena Simpson
- Ludmillah Anjos

Público estimado em 700 mil pessoas

Projetos de sucesso
Em 2016, logo após o sucesso do primeiro ano do Agrada Gregos, Nathalia criou o Bloco Pinga Ni Mim, o primeiro bloco de música sertaneja da cidade de São Paulo. De acordo com a DJ, a criação desse bloco foi 100% influenciada pela criação dela no oeste paulista. “A terrinha me viciou em sertanejo e mesmo mudando pra cidade grande, sempre morri de saudades desse som”. Em 2019 foi fechada uma parceria com o Villa Country - a maior balada sertaneja da América Latina - e eles passaram a ser sócios no bloco. “Neste ano levamos a cantora Lauana Prado, cantora do hit Cobaia, como madrinha e foi mais um sucesso”.