Arquitetura e Urbanismo e estágio

  • 16/08/2019 00:15
  • Julia Fernandes Guimarães Pereira

Você conhece algum profissional que esteja atuando no mercado da Arquitetura e Urbanismo? Ou então, possui contato com um estudante dessa área? A Arquitetura e Urbanismo está em plena ascensão, mas antes de mais nada, se você não possui familiaridade com o assunto, que tal entendermos do que se trata? O trabalho de um arquiteto urbanista é incrível. Esse profissional é capaz de se reinventar todos os dias e, por isso, a profissão é vista como um conjunto de técnicas, normas, princípios e materiais utilizados para criar e dispor partes ou elementos de edifícios e outros espaços urbanos em geral. A arquitetura transforma os ambientes para atender a determinadas expectativas e necessidades, como a melhor ocupação do solo, organização dos diferentes tipos de atividades humanas e transformação de suas acomodações, dando aos usuários, melhor qualidade de vida. 

Sobre a questão do estágio na área de Arquitetura e Urbanismo, essa é uma dúvida bastante pontual.  Existem duas possibilidades do estudante de Arquitetura e Urbanismo estagiar. A primeira se dá porque o estágio é um componente curricular obrigatório no curso de Arquitetura e Urbanismo, ou seja, o aluno precisará cumprir as 180 horas estipuladas pelas Diretrizes Curriculares Nacionais - DCN (Resolução  2, de 17 de junho de 2010) para então obter sua formação superior. A segunda e não menos importante é o estágio não obrigatório, que contará para o aluno como sendo uma atividade complementar de seus estudos em sala de aula.

Durante as aulas na faculdade, os professores do curso de Arquitetura e Urbanismo lecionarão disciplinas importantes para a formação cultural, acadêmica e profissional do futuro arquiteto urbanista. É perceptível que os docentes enfatizam o conteúdo programático evidenciando situações práticas, muitas vezes até vivenciadas pelos próprios professores em seu dia a dia no mercado arquitetônico. Assim, é possível que o aluno transite da parte teórica até a prática, sem mesmo estar inserido ainda em um contexto profissional.
Mas, e se os alunos pudessem vivenciar essas e outras situações de forma prática e individual, ainda durante a faculdade? 

Que tal atuar em uma empresa real, atendendo clientes com necessidades atuais? A rotina diária de um estagiário de Arquitetura e Urbanismo poderá ser recheada de acompanhamento de atividades realizadas por um profissional já formado. Por meio de um estágio enquanto estuda, o aluno vai estar antenado com o mercado e ter contato com experiências reais e valiosas, antes mesmo de concluir o ensino superior em Arquitetura e Urbanismo.
Com certeza, será um diferencial do arquiteto urbanista perante o mercado de trabalho!

ÚLTIMAS DO AUTOR

Arquitetura para pets

  • 19/07/2019 04:15
Julia Fernandes Guimarães Pereira

Julia Fernandes Guimarães Pereira

Julia Fernandes Guimarães Pereira é mestre em Arquitetura e Urbanismo e coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Toledo Prudente Centro Universitário

PUBLICIDADE