Ampliação para ontem, governador!

  • 24/09/2019 04:05
  • Marcos Antonio de Carvalho Lucas

Quem depende do avião para cumprir com agenda profissional ou para lazer, tem que enfrentar um desnecessário estresse na sala de espera do Aeroporto Estadual Adhemar de Barros de Presidente Prudente. O espaço é pequeno e gera superlotação, onde muitos passageiros são obrigados a ficar em pé enquanto aguardam a autorização para embarque.

Como já mencionamos em artigo passado neste periódico, o Aeroporto de Prudente é o terceiro com maior movimento de passageiros no interior paulista. Mas talvez o que muitos dos leitores não sabem é que ele também tem capacidade para implantar “HUB”. Isso significa que algumas companhias aéreas utilizam aeroportos específicos para transferência de passageiros: a conexão. Já no transporte de cargas, fica mais fácil controlar o fluxo de entrada e saída, garantindo que a demanda de rotas internacionais seja alta. Isso reflete no preço pago pelo cliente!

Em novembro, a Gol lança o voo de Presidente Prudente a Guarulhos (SP), o que possibilita conexões internacionais, beneficiando nosso município. Entretanto, essa nova opção tende a aumentar o número de embarques/ desembarques, ou seja, o espaço ficará ainda menor, fundamentando mais a urgência de ampliação.

A reconstrução de um novo saguão já se faz urgente em Prudente, assim como toda sua infraestrutura. O projeto idealizado tem que ser colocado em prática para ontem! Estamos perdendo oportunidades, já que não apenas nossa cidade, mas toda região está ficando para trás num momento crucial de definições no setor de aviação. Cinco empresas estrangeiras irão começar a voar no Brasil em busca de um mercado que cresce mais que o PIB (Produto Interno Bruto)!

Cabe ao poder Executivo municipal, o Legislativo estadual e a sociedade civil organizada cobrarem do governador João Doria uma ação imediata e eficaz para resolver essa questão. Também é preciso que o governo estadual incentive Prudente ao polo de distribuição, agregado à construção da nova sede da Receita Federal, outro fator que precisa sair do papel com a mesma urgência. Parafraseando a aviação: nossa região deve aparecer com destaque no radar do desenvolvimento!

 

 

ÚLTIMAS DO AUTOR

Fundo Municipal

  • 03/12/2019 04:11

Qual o seu papel?

  • 19/11/2019 04:28