AGRESSÃO

Adolescente de 17 anos é vítima de violência doméstica

Exame de médico legista atestou que ela teve lesões na perna direita, braço e ombro; autor, de 20 anos, foi preso em flagrante

  • 19/09/2019 08:54
  • THIAGO MORELLO - Da Redação

Uma adolescente de 17 anos foi vítima de violência doméstica, na noite de ontem, em Presidente Prudente, após ser agredida pelo companheiro, de 20 anos, “com socos e chutes”. Conforme consta no boletim de ocorrência da Polícia Civil, o caso aconteceu na Rua Carlos Raimundo, no Jardim Sumaré.

No documento policial, a polícia narra que a equipe em trabalho chegou ao endereço depois de ser acionada, e ouviu a vitima. Aos policiais, a jovem alegou que ambos estavam discutindo, quando o rapaz lhe desferiu socos e chutes pelo corpo. Ela detalhou ainda que eles vivem juntos maritalmente (casados) há sete meses, e que o autor já havia lhe agredido antes. “Relação conturbada”, completou no depoimento.

Diante da situação, o casal foi direcionado à Central de Flagrantes. Por lá, a vítima passou por exame com um médico legista, que comprovou “lesão na perna direita, braço e ombro”. E questionado, o indiciado confessou aos policiais que chutou a adolescente, mas não a agrediu com socos, “apenas se defendeu”, ainda de acordo com o boletim.

Pelo fato de a vítima ser de origem mato-grossense, Cuiabá, e uma vez menor de idade, foi necessário acionar o Conselho Tutelar. No documento policial, consta que o órgão alegou que a menor não precisaria de acompanhamento, uma vez que não está em estado de abandono na cidade.

Já o autor da agressão, tendo em vista que as lesões foram comprovadas por exame de corpo de delito, foi preso em flagrante. Ele ficou à disposição da Justiça, e posteriormente passaria por audiência de custódia.